Depois que foi divulgado o esquema de fraudes das carnes, as entidades que defendem os consumidores fizeram uma recomendação importante. Segundo as entidades, os consumidores devem ter atenção em dobro na hora de comprar esse produto. A carne deve ter uma cor avermelhada, sem cheiro e sua textura não pode ser pegajosa.

Ricardo Morishita, responsável pela direção do IDP – Instituto Brasiliense de Direito Público, disse que os consumidores precisam estar atentos as informações passadas pelo estabelecimento, pois serão elas que iram fazer a orientação de como escolher o alimento. Caso o consumidor fique em dúvida na hora de comprar o produto, o melhor a se fazer é buscar um contato com o fabricante ou o supermercado.

Publicidade
Publicidade

Se ainda ficar com receito da qualidade do alimento, o ideal é não consumir.

Após o escândalo envolvendo várias marcas famosas no mercado, devido às irregularidades que foram cometidas por vários frigoríficos o melhor a ser feito é evitar o consumo de alimentos processados como linguiças, salsichas, nuggets, dentre outros.

Saiba como se proteger das carnes estragadas:

Aparência

O consumidor deve estar atento à aparência do produto, verificar a coloração da carne, o cheiro e a textura e também as datas de validade, temperatura que está armazenada e também a embalagem.

Prefira produtos frescos

Dê prioridade para os produtos mais naturais, evitando aqueles que são processados.

Exija detalhamento da fabricação

O estabelecimento é obrigado a apresentar aos consumidores informações que possam viabilizar um rastreamento, a maneira como esse produto foi manipulado e as embalagens devem identificar a origem, peso correto, validade do alimento e data de manipulação.

Publicidade

Carnes embaladas

O consumidor deve evitar comprar carnes que foram embaladas de maneira industrial. As carnes podres e estragadas identificadas pela operação Carne Fraca, foram maquiadas usando aditivos como corantes, aromatizadores e realçadores de sabor.

Preferência por carne moída

Caso o consumidor tenha preferência pela carne moída, o ideal é exigir que ela seja moída na frente da pessoa após que ela faça o pedido.

Recolhimento do produto pelo país

Depois que o escândalo ganhou os noticiários, o secretário adjunto do Ministério da Agricultura disse que os produtos que estavam em circulação no comércio já começaram a ser retirados de circulação. Ainda não se sabe qual o destino será dado aos produtos adulterados, o governo federal está tentando minimizar os impactos gerados pelo escândalo. #fraude #Economia #Polícia Federal