Quando o assunto envolve a vida e a rotina íntima, muitas dúvidas e mitos aparecem. É por isso que muitas pessoas acabam recorrendo à internet para encontrar algumas respostas. A rede mundial de computadores pode ser muito útil nessas questões, porém, corre-se o risco de encontrar muitos fatos mentirosos envolvendo o assunto. Por isso, é importante questionar um ginecologista de extrema confiança para, finalmente, solucionar essas dúvidas.

Certamente, você já ouvir falar que, quando a mulher fica muito tempo sem fazer amor, seu órgão genital pode se tornar mais apertado do que o de costume. Mas, será que esse fato é realmente verdadeiro?

Para que essa questão fosse finalmente esclarecida, a versão norte-americana da revista “Women’s Health” buscou informações concretas com a especialista em #Saúde feminina Jennifer Wider, que foi muito clara ao afirmar que uma mulher que mantêm uma vida íntima ativa não possui seu órgão genital mais “largo” do que aquela que passa muito tempo sem fazer amor. “Essa afirmação não deixa de ser uma concepção totalmente errada”, conta Jennifer.

A especialista em saúde íntima feminina explica que a parte interna do órgão genital feminino não muda nada, se a mulher passa um longo período sem fazer amor - até porque os músculos dos seu órgão genital são totalmente elásticos e se contraem. Eles voltam ao normal logo depois que a mulher pratica a intimidade com seu parceiro. Algumas mudanças podem, sim, acontecer e é possível que ela note, principalmente, no formato de seu órgão. A mudança acontece somente em dois períodos diferentes: com o avanço da idade e logo depois do parto normal.

Conforme explica Jennifer, algumas pesquisas indicam que o órgão genital feminino passa por algumas transformações depois que a mulher dá à luz. No entanto, ocorre recuperação gradualmente no período de até seis meses. Quando a idade vai se aproximando e a mulher também passa a sofrer com a redução hormonal, as paredes do órgão podem ficar mais finas e, com isso, os músculos tornam-se mais relaxados. #Ciência #Curiosidades