É estranho pensar que não escolhemos com quem vamos ter intimidade. Mas, o fato é que isso é verídico. Provavelmente, você já olhou para alguém e sentiu uma atração quase irresistível que acabou dominando seu corpo.

Se houve reciprocidade, com certeza essa vontade só passou quando finalmente atendeu o desejo. Mas, afinal, foi você que escolheu ou não aquela pessoa? A resposta é não.

Uma pesquisa feita pela revista científica Nature mostrou que quem na verdade escolhe o parceiro sexual é o seu corpo.

O antígeno leucocitário humano, conhecido pela sigla HLA, tem relação ao desejo que sentimos. Quando ele é diferente do outro indivíduo, a atração sexual é maior ainda.

Publicidade
Publicidade

O que é o HLA?

Para entender porque é o seu corpo que comanda e escolhe o parceiro, saiba como tudo funciona. O HLA é um sistema que nos dá a capacidade de identificar células nocivas, vírus e bactérias, ou seja, ele tem ligação com o nosso sistema de defesa.

O que é espantoso, na verdade, é que a atração que sentimos do nada por alguém está ligada aos nossos anticorpos. Então, quando sentimos atração por alguém, é como se estivéssemos detectando algo no outro que indica um sistema imunológico forte, o que leva ao desejo natural de se procriar. É o instinto natural de preservação da espécie.

Como o corpo sabe diferenciar as HLAs?

Nesta parte entra nossos sentidos, como, por exemplo, o olfato. Sabe-se que os mamíferos conseguem identificar os parceiros através dos códigos diferentes sentidos pelo olfato.

Publicidade

Até mesmo o suor ou a saliva podem auxiliar na distinção dos HLAs.

A pesquisa não quer afirmar que os humanos não conseguem ter controle sobre seu instinto sexual. Porém, alguns fatores ou características de nosso comportamento, que até então não eram entendidos, podem estar associados à escolha do corpo.

Por exemplo, pode acontecer de a pessoa ter uma noite de amor com alguém que simplesmente não conhecia e que momentaneamente sentiu algo forte, uma atração. A explicação para alguns comportamentos do ser humano, nesse ponto, podem ser explicadas através do resultado dessa pesquisa.

Mas, vale lembrar que, mesmo sabendo dos resultados, ainda temos controle sobre nossos atos. Portanto, não saia por aí achando que o corpo é quem manda. As pessoas têm livre escolha com quem querem se relacionar. #sexualidade #sexo #Curiosidades