Há quem diga que a solteirice tem mais vantagens do que estar em um relacionamento sério como alguém. Mas para quem acredita nessa afirmação, temos uma surpresa. Cientistas afirmam que namorar faz bem não somente para a alma, mas também para a #Saúde. Alguns estudos ainda indicam que quem começa a namorar tende a abandonar maus hábitos através da ajuda do parceiro.

De acordo com uma reportagem publicada pelo Portal O Tempo, em alguns casos, estar ao lado de uma pessoa que você ama ajuda até em momentos mais dolorosos, como por exemplo, o pós-operatório de uma cirurgia que pode ser menos sofrido se o indivíduo estiver na companhia de sua parceira ou parceiro.

Publicidade
Publicidade

Além disso, o amor diminui a tensão, isso porque pensar em quem você ama faz com que seu corpo tenha reações opostas ao estresse.

Segundo pesquisadores da Universidade de Michigan, nos Estados Unidos, amar ajuda até a prevenir doenças. A pesquisa realizada na universidade acompanhou cerca de 2 mil casais que estavam acima dos 50 anos de idade. Os estudiosos concluíram que ter a companhia de uma pessoa divertida e alto-astral ajuda a proteger contra doenças crônicas, como diabetes, além de evitar problemas relacionados a mobilidade no futuro.

Efeito contrário

Já as relações medianas não fazem nenhum bem à saúde dos envolvidos nela e, em alguns casos, prejudica até mesmo seus familiares e amigos. Uma pesquisa divulgada pela revista Family Psychology mostra que é melhor ficar solteiro do que viver em um relacionamento insignificante, cheio de brigas, discussões e problemas variados.

Publicidade

Isso porque as relações afetivas estão diretamente ligadas à saúde física e mental das pessoas e insistir nela pode trazer vários problemas.

Duzentos jovens foram acompanhados durante dois anos por pesquisadores da Universidade de Bufallo, nos Estados Unidos. Esses jovens não necessariamente estavam em um relacionamento e o estudo mostrou que em qualquer que fosse o caso, um vínculo mais forte com o parceiro era claramente refletido na saúde dessas pessoas.

Os resultados mostraram que, se o relacionamento era positivo e feliz, a saúde dos envolvidos estava ótima. Caso contrário, a falta de estabilidade nas relações refletia em problemas como alcoolismo, depressão, enfermidades psicológicas e emocionais em geral.

Diante desse resultado, o ditado popular "antes só do que mal acompanhado", passou a fazer ainda mais sentido, não é mesmo? #Ciência #namoro