Médicos especialistas na saúde da mulher alertam: sentir dor durante uma relação sexual é comum, mas nem por isso, é normal. A dor pode surgir por diversos motivos e nem sempre significa que existe um problema de #Saúde, mas é importante que a mulher conheça bem o seu corpo, para se dar conta quando algo não está bem.

Pesquisas recentes mostraram que uma em cada cinco mulheres pesquisadas, sentem dor durante o momento de intimidade com o parceiro. Esse problema pode surgir uma vez ou outra, como pode ser uma constante, o que, segundo a médica ginecologista, Eloísa Nogueira, se chama dispareunia.

Conheça agora 8 causas das dores intimas:

1º Falta de lubrificação: essa é a principal causa, pois pode acontecer por diversos fatores, como a menopausa, falta de libido na hora da relação, estresse e alterações hormonais.

Publicidade
Publicidade

2º Reação alérgica: comum quando se opta por contraceptivos do tipo espermicidas ou látex.

3º Infecções e inflamações: herpes, hemorroidas, infecções urinárias ou das trompas Falópio, e até candidíase, pode gerar um grande desconforto durante a relação, podendo, inclusive, fazer com a mulher não consiga prosseguir o ato.

4º Pós-operatório: relações logo após uma cirurgia na região pélvica, seja qual for o tipo de procedimento adotado, gera dor durante o momento de intimidade, sendo necessário esperar a total recuperação, para se livrar do desconforto.

5º Desconforto intestinal: se a mulher está com problemas intestinais, como gases ou prisão de ventre, é natural que não sinta vontade de ter relações e ao tentar, sentirá desconforto e até dor.

6º O parceiro: se o parceiro tiver um órgão um pouco avantajado e não o utilizar da maneira mais confortável para a mulher, irá gerar dor, mas o problema não está no corpo da mulher, mas sim no parceiro.

Publicidade

7º Doenças graves: doença inflamatória pélvica (a DIP) e prolapso uterino, são os casos mais comuns, pois fazem o útero ter uma certa inclinação, o que gera desconforto durante as relações.

Como tratar?

O primeiro passo é a mulher não se fechar para esse assunto, se culpando pela dor ou evitando o parceiro. Deve-se conversar com ele e com um ginecologista, para descobrir a causa do problema. É preciso que o parceiro seja compreensivo e não fique culpando a mulher pelo desconforto. Se houver um problema de saúde, exames como ultrassom e hemograma, dentre outros, podem ajudar a diagnosticar.

Todas as causas de dor possuem tratamento, mas quando se trata de uma infecção, é preciso tratar logo que se nota o desconforto, pois ela pode gerar outros problemas para a saúde intima da mulher. O tratamento é bem simples, o que não pode, é a mulher achar que o problema é normal e conviver com ele. Sempre consulte seu médico para obter o diagnóstico e tratamento adequado. #Dor durante a relação #causas de dores