Na procura por alimentos que sejam livres de componente de origem animal ou pela exploração deles, podemos buscar pelos rótulos, ou em outros casos até mesmo buscando informações pelo SAC (Serviço de Atendimento ao Consumidor) da empresa. Porém, essa alternativa não seja totalmente confiável, pois o produto pode passar por processos e ter componentes dos quais os funcionários não têm total conhecimento.

Há vários tipos de açúcar, com o cristal, demerara e o mascavo sendo os mais conhecidos, mas como estes últimos são de valor mais elevado, o que mais entra na casa dos brasileiros é o açúcar cristal ou branco. Mas é justamente por ser branco que esse açúcar pode não ser um dos produtos veganos.

Publicidade
Publicidade

Mas por quê?

O açúcar para ficar clarinho passa pelo processo de filtragem que pode envolver carvão ativado, até aí tudo bem. O problema é que uma das matérias-primas mais comum do carvão ativado são ossadas de bois. É importante ressaltar que os ossos carbonizados não entram diretamente na composição do açúcar, mas são usados no branqueamento, por remover as impurezas do açúcar. Essa informação, por exemplo, talvez você não tenha através do SAC da indústria.

A boa notícia vem de haver outras opções no mercado, porém, são de valor mais elevado. Como o açúcar demerara e o mascavo, que tem uma cor mais escurinha, justamente por não passar por esse processo, se tornando assim mais seguro, ou pode ser feito uso do melado de cana, mais natural ainda e uma ótima fonte de ferro para vegetarianos/veganos, fazendo a anemia passar bem longe dos seu adeptos.

Publicidade

Mas e o preço? Como o valor desses açúcares veganos é mais alto, o que pode ser feito é reduzir seu consumo, Aliás, isso é o que toda população deveria fazer: reduzir drasticamente o consumo de açúcar, e aproveitar os sabores naturais dos alimentos, deixando assim o uso do açúcar pra último plano, e curtir os benefícios como uma pele mais macia, por exemplo.

Isso deve levar os consumidores a pensar por exemplo: Por que os alimentos só podem ser doces ou salgados? Será que na natureza o doce é tão ressaltado? Se não há na natureza, deve ser por que não somos projetados para seguir essa linha tão doce? Pensar mais no que se ingere vai ajudar a ter saúde melhor e buscar o bem-estar de todo o ecossistema.

Pensar mais no processo que os alimentos levam até chegar à mesa vai ajudar todos a buscarem suas melhores opções, não apenas no caso do açúcar, como outros alimentos e bens de consumo. Ao mesmo tempo, o uso desse processo de branqueamento leva a outras questões, como, por exemplo, o uso do jegue lá no interior pra transportar castanhas, cocos, frutas e assim por diante. Isso levanta questões como: Se esse animal for maltratado? Se não for bem alimentado? E se levar cargas além de sua capacidade?". Essas também são questões a ser levada em conta. #Beleza #Agricultura #Alimentação Saudável