Há certos momentos em nossa vida que não estamos nos sentindo bem. Ficamos melancólicos, sem apetite ou com aumento dele, insônia, desanimados. Estes podem ser sintomas de dois diagnósticos, a #Tristeza e a #depressão. A diferença deles é que um pode ser momentâneo, passageiro e o outro necessita de ajuda médica.

A depressão pode ser diagnosticada quando a tristeza se estende por um longo período. Causando e sendo causador de um desequilíbrio do corpo, afetando a qualidade de vida da pessoa e das pessoas a sua volta.

A depressão é uma doença que necessita de tratamento para se curar e afastar os sintomas que tanto incomodam e causam sofrimento.

Publicidade
Publicidade

A tristeza é um sentimento que faz parte da vida das pessoas, podem ocorrer momentos ou acontecimentos que nos cause tristeza.

A depressão é uma condição clinica que, se não tratada, pode levar ao suicídio, podendo ocorrer em diversas idades, desde crianças a idosos. Especialistas afirmam que uma pessoa com sintomas por mais de duas semanas devem procurar ajuda médica para iniciar tratamento.

Podemos identificar e diferenciar os sintomas de tristeza e depressão. Para isso vamos elucidar suas características e diferenças.

Sintomas

Insônia: falta de sono e dificuldade em dormir, acordar antes do horário de costume, ou dormir mais do que dormia são sintomas da depressão.

Distúrbios alimentares: variação no apetite e alteração na rotina alimentar são sintomas de depressão.

Receber um “não”: pessoas que não recebem bem um não, que não conseguem encarar a realidade e superar dificuldades sofrem com a tristeza, com o grau desse sentimento variando de caso a caso.

Publicidade

Sensibilidade: a pessoa se sente sozinho, com dificuldade de se socializar, frágil emocionalmente são sintomas de tristeza.

Variação do humor: sintoma da depressão. Deprimida, a pessoa sofre com as variações do humor, não sendo observado razão para a mudança ou quando há o motivo, sua reação é desproporcional ao acontecido.

Prevenir é sempre a melhor opção para qualquer doença. Para manter longe de você a depressão e tristeza, ocupe sempre o dia com atividades, lazer, distrações que espantem os problemas que lhe perturbam e o estresse do dia a dia.

Não ultrapasse seu limite. Conheça seu corpo e suas capacidades, saiba onde pode ir e como chegar, não ultrapasse nem queira fazer mais do que você consegue naquele momento.

Exercitar-se faz bem a todos e ajuda a manter o corpo equilibrado, afastando os males que lhe perturbam. Não ingira bebida alcoólica ou drogas. Recorrer a eles é comum com o intuito de relaxar, mas seus efeitos podem ser piores, agravando ainda mais o problema.

Procure descobrir e manter uma rotina para melhorar seu sono. Dormir bem ajudará no equilíbrio de suas emoções. #Saúde