Ficar calvo é uma das coisas que mais preocupam os homens. Embora muitos fiquem até mais atraentes sem cabelo, ainda assim, os fios são uma das maiores vaidades masculinas. Estudos recentes indicam que 75% dos homens que possuem perda capilar sentem-se menos confiantes com a própria aparência, especialmente durante a paquera. Embora a calvície seja algo comum, já que cerca de 50% dos homens com mais de 40 anos experimentam algum grau de calvície, em algumas situações a perda de cabelo pode levar à quadros depressivos.

Desequilíbrios hormonais, doenças auto-imunes, alguns medicamentos, carência nutricional, doenças no couro cabeludo e o estresse são alguns dos fatores de risco que levam à perda de cabelo.

Publicidade
Publicidade

Mas a causa mais comum de perda de cabelo é a alopecia androgenética, conhecida como calvície. Tipicamente, um couro cabeludo saudável tem em média 100.000/ 120.000 fios de cabelo - e você pode perder até 50.000 deles sem perceber qualquer queda de cabelo. Isso porque, diferente da queda capilar, a calvície é lenta e silenciosa. A chamada calvície invisível começa com o afinamento do cabelo normalmente iniciado na coroa ou têmporas. Muitas vezes, a perda capilar só é percebida quando atinge cerca de 40% do total de fios ou mais.

Saiba alguns dos sinais que antecedem a calvície androgenética:

1. Mudança na textura dos fios

Se você notar uma mudança na textura do cabelo, como se estivesse mais fino ou áspero, pode ser o início da calvície. Essa mudança pode ocorrer durante a adolescência, quando o pico hormonal é mais alto, já que é o DHT (hormônio masculino) que desencadeia a calvície androgenética.

Publicidade

2.Diminuição no volume

Se você perceber que o volume do seu cabelo diminuiu, fique atento! Se, ao passar os dedos nos fios, você sentir que houve uma alteração, ou se (para #Cabelos mais cumpridos) o caro-de-cavalo está mais fino do que antes, procure um médico

3. Queda de cabelo

Homens e mulheres que estão com queda de cabelo podem notar depois de tomar banho, escovar ou pentear que muitos fios caíram. O normal é cair até 100 fios por dia, se você estiver perdendo mais do que isso, é bom procurar um dermatologista. Atente-se também ao tamanho desses fios, se forem curtos e mais finos que o normal, também pode ser a calvície se apresentando.

4. Histórico familiar

Se no seu histórico familiar existe perda de cabelo, você pode estar em maior risco de desenvolver a calvície. A alopecia androgenética é hereditária, por isso pode ser herdada de ambos lados da família.

5. "Transparência" com o cabelo molhado

Você pode notar quando o cabelo estiver molhado se há regiões em que o couro cabeludo fica aparente.

Publicidade

Molhar o cabelo funciona como um raio-X da calvície: podemos observar melhor quais as áreas que já estão afinando ou que já perderam fios. Usando dois espelhos, você pode observar melhor todo o seu cabelo e analisar se houve perda de volume em alguma região.

Outros sinais podem indicar doenças no couro cabeludo que também levam a perda capilar, por isso é importante consultar um médico e jamais se automedicar! Os remédios contra a calvície atingem os hormônios masculinos, sem um acompanhamento correto, o uso pode desencadear efeitos colaterais nada agradáveis. #calvicie #Beleza