Sabemos que a grande maioria das pessoas ama o verão e o calor que ele proporciona. Verão, na grande maioria das vezes, significa praias e férias. Mas queremos alertar nesta matéria que nem tudo é positivo nesta estação. Se você é daquelas pessoas que curtem passar o tempo em matas e florestas ou até mesmo no campo, você deve saber que o verão é uma época favorita para o surgimento de bichos indesejáveis. Antes de sair, conheça um novo #vírus transmitido por carrapatos e que pode ser letal.

No mês de maio, os carrapatos se tornam mais ativos, embora de acordo com alguns estudos divulgados, no Brasil os carrapatos ficam ativos iniciando o mês dezembro e só amenizam no final do mês de março.

Publicidade
Publicidade

Quanto mais a temperatura tende a subir, os carrapatos crescem em atividade.

Fique ligado, pois além de trazerem irritação, os carrapatos podem ser um verdadeiro perigo para nós serem humanos. Recomendamos que o alerta fique redobrado entre os meses de maio e junho, mas especialistas já afirmaram que uma vítima dos carrapatos pode ser picada em qualquer estação.

Os carrapatos são famosos por ser o principal transmissor da #Doença Lyme, mas segundo relatos dos cientistas, eles são os causadores de uma doença de maior proporção do que essa. Powassan, é o mais novo vírus transmitido por carrapatos e que pode ser letal, os casos já registrados mostram que 60% dos casos de picadas, resultaram na morte ou permanente invalidez da vítima.

O nome desse vírus teve origem na cidade de Powassan, no Canadá.

Publicidade

Tudo depois que um jovem veio a óbito após ser picado por um #carrapato. Os médicos já alertam que tem existido um grande aumento no número de insetos com esse vírus, incluindo os principais tipos de carrapatos.

Ninguém ainda está imune ao vírus, pelo fato de muitos outros insetos estarem sendo portadores do vírus, a tendência do número de pessoas infectadas pode realmente aumentar nos próximos anos. O grande problema deste vírus é que ainda não existe sintomas específicos, pois é um vírus recém descoberto.

Baseado nos casos anteriores, os médicos disseram que é possível que a vítima possa sentir sintomas como febre, dores de cabeça, fraqueza, vômitos, problemas relacionados a fala e até mesmo convulsões.

A principal orientação é que se você tenha um animal de estimação, que procure estar sempre o limpando, pois eles podem estar carregando esses parasitas portadores desse vírus.

Como se cuidar para não ser picado por um bicho contaminado com o vírus

  1. Quando estiver na mata, use blusas magas longas e sempre esteja de calça;
  2. Faça o uso de um bom repelente de insetos;
  3. Quando voltar de um passeio na natureza, lembre-se de tomar banho imediatamente;
  4. Verifique seus animais se possuem carrapatos;
  5. Procure um médico, caso sinta algum sintoma suspeito.