A famosa e temida queda de cabelo pode ter relação com uma condição genética. A situação é simplesmente estética, mas tem afetado a autoestima de inúmeras pessoas. O problema nem é tido como um sinal de alerta sobre o nosso corpo, mas se os seus fios de cabelo começarem a cair de forma anormal, é preciso checar urgentemente se não esta sendo um mal sinal.

Estudos apontam que, em um dia inteiro, as pessoas perdem em média 100 fios de cabelo. Mas se o seu travesseiro ou em qualquer outra parte da sua casa começar a aparecer fios, algo pode estar indo de mal a pior. Para tirar suas conclusões sobre o que é e o que não é normal, Valcinir Bedin, que é tricologista e presidente da Sociedade Brasileira do Cabelo, apresenta um teste bem rápido e eficaz que incide em simplesmente passar a mão sobre o couro cabeludo e contar quantos fios veio ao tirar a mão do cabelo.

Publicidade
Publicidade

“É aceito o número máximo de cinco fios de cabelo para a situação ser considerada normal. Se o resultado for além dos cinco fios, a pessoa já passa por algum problema patológico”, afirmou.

Ainda segundo o especialista, metabólicos e hormonais são os dois fatores que podem estar causando a queda de cabelo.

Hormonal

Quando os hormônios estão desregulados, pode afetar o paciente, fazendo com que o cabelo caia. No período menstrual das mulheres, pode haver alterações e queda. Quando a mulher também tiver formações de cistos no ovário, pode acontecer a queda frequente dos cabelos, alerta o especialista. Ele sugere que um tratamento seja iniciado o mais depressa o possível.

Metabolismo

O especialista afirmou que um dos maiores fatores que tem causado alterações metabólicas e consequente queda de cabelo está relacionada à má alimentação.

Publicidade

“As pessoas têm a mania de fazer dieta muito rígida, o que pode levar à queda de cabelo”, fala o especialista.

Quem deseja regularizar a situação deve consumir nutrientes para aperfeiçoar a #Saúde capilar. Então recomendamos o ferro e as vitaminas do complexo B.

Causas emocionais

O estresse também tem sido uma das causas que mais tem afetado o corpo, por consequência os cabelos.

“Segundo o especialista, o alto nível de estresse provoca inflamação nos fios de cabelo, o que faz com que eles caiam, pois o estresse gera aumento do cortisol, que é um hormônio que vai modificar o metabolismo de algumas glândulas do corpo”, completou o especialista Juliano Schmitt. #Doenças