Se tem um lugar que muitas pessoas procuram evitar usar é o banheiro público. Na maioria das vezes, as pessoas costumam recorrer aos banheiros públicos apenas quando não têm nenhum outro local próximo e a vontade de ir ao banheiro fala mais alto.

Os fatores para que muitas pessoas não gostem de utilizar o banheiro público são muitos. Entre eles, está o fato de nem sempre o banheiro estar higienizado como o usuário gostaria. Muitas pessoas usam os banheiros públicos diariamente e algumas pessoas ficam com medo de sentar no vaso sanitário. O receio mais comum é o de ser infectado por algum tipo de bactéria.

O entra e sai de pessoas nesses locais pode fazer com que aquele ambiente fique nojento de forma rápida.

Publicidade
Publicidade

Quando um usuário desses banheiros passa por esse tipo de situação, que é perceber que o vaso sanitário não está tão limpo quando deveria, fica sem saber como proceder. Esses dilemas são ainda piores quando são vividos por mulheres, que relatam horríveis histórias dos banheiros femininos.

Geralmente, quando não há outra escolha e essas pessoas precisam de fato fazer o uso desses banheiros, a primeira coisa que a pessoa pensa é em evitar o contato do próprio corpo com o vaso sanitário. Muitas vezes, para evitar esses contatos, as pessoas acabam optando por colocar papel higiênico na borda do vaso sanitário e só após fazer isso utilizam o vaso.

Geralmente, as pessoas fazem isso por acreditar que dessa forma estariam evitando o contato com bactérias ou com algum tipo de doença. O problema é que essa atitude é ineficiente e muitas vezes pode ser muito pior do que sentar no vaso normalmente.

Publicidade

O papel não foi feito com essa finalidade e não é ideal para ser utilizado nas bordas dos vasos sanitários. Algumas pessoas não sabem, mas o vaso possui uma forma anatômica e é essa forma que possibilita que os germes vivam apenas no local onde sempre está trocando água.

A privada deve permanecer fechada constantemente. Ela impedirá que as bactérias entrem em contato com os humanos, pois quando a privada está fechada, ela impede que essas bactérias sejam liberadas para o ambiente.

O vaso foi projetado para que possa ser utilizado pelos seres humanos de forma segura. A questão é que quando a pessoa coloca papel higiênico na borda do vaso, ela pode estar se colocando em grande perigo. O motivo é simples: o papel higiênico pode carregar mais bactérias do que o próprio assento.

Os germes não se multiplicam na pele. Porém, o papel é propício para a proliferação dos germes. As pessoas fazem gestos que, às vezes, nem elas mesmas percebem e é aí que mora o perigo. A mesma mão que a pessoa usou para pegar o papel é a mesma que ela usa para coçar os olhos. Sem perceber, ela está levando para si mesma várias bactérias.

Lembre-se de deixar o seu comentário. Sua opinião é muito importante para a nossa equipe e ajuda a debater temas com relevância para a sociedade. #vida #HigienePessoal #Saúde