As visitas ao (ou à) ginecologista são ocasiões importantes não só por causa de exames, diagnósticos e prescrições de tratamentos, mas também por constituírem ocasiões para que a #Mulher tire dúvidas sobre sua saúde. Como nem sempre as ideias relevantes ocorrem a uma pessoa quando ela precisa delas - parece que o contrário é bem mais comum - e o nervosismo e a timidez que acometem muitas mulheres quando elas precisam falar de sua saúde íntima pode tornar as #coisas ainda mais complicadas, a seguir estão listados alguns assuntos sobre os quais é bom que as mulheres perguntem a seus (ou suas) ginecologistas:

1 - A pílula anticoncepcional

Se a mulher pretende começar a usar a pílula ou está pensando em trocar de medicamento, é melhor que ela tire algumas dúvidas sobre os efeitos esperados do medicamento sobre ela.

Publicidade
Publicidade

Efeitos sobre o metabolismo dela, ciclo menstrual, se ela vai passar mal etc.

2 - Dúvidas sobre gravidez

Ninguém melhor do que o (ou a) #ginecologista para responder dúvidas sobre gravidez, sobre como evitá-la ou torná-la mais provável, dependendo dos objetivos, e verificar se não há algum problema com a fertilidade da mulher.

3 - Menstruação

O ideal é que a primeira visita da mulher ao (ou à) ginecologista comece logo depois de menstruar pela primeira vez. Em qualquer visita a ele (ou a ela), a mulher deve mencionar se tiver percebido alguma alteração em seu fluxo menstrual.

4 - Cólicas

Embora cólicas – mesmo as mais fortes - não precisem necessariamente ser sinal de problemas de saúde, elas podem ser um alerta. Por via das dúvidas, é melhor que a mulher fale delas, se as tiver, para que possam ser feitos os exames necessários.

Publicidade

Caso haja algum problema de saúde associado a essas cólicas, há mais chances de ele ser descoberto mais cedo e combatido com sucesso. Se não houver nenhum problema de saúde associado às cólicas, talvez possa ser descrito um remédio para controlá-las.

5 - Corrimento

O corrimento geralmente é um sinal de que a mulher está a caminho da menstruação. Sintomas como coceira, ardência e corrimento malcheiroso, porém, podem ser sinais de que há uma infecção em andamento.

6 - Autoexame das mamas

As mamografias só são recomendadas para as mulheres acima dos 40 anos, mas mulheres de todas as idades deveriam fazer o autoexame. É uma boa ideia perguntar ao médico (ou à médica) como realizá-lo.

7 - Menopausa

Para as mulheres na menopausa ou que estão se aproximando dela, é uma boa ideia perguntar sobre o período para poder entender as alterações que o corpo sofrerá e como lidar com elas.