Publicidade
Publicidade

Toda mulher tem um certo receio quando o assunto é ‘primeira vez’, ou seja, ter a primeira transa ou relação #sexual com alguém. E muitas, em especial no período da adolescência, já ouviram boatos que envolviam muito sangue, dor e sofrimento em relação à tal experiência, o que traz sempre inseguranças e medo para elas.

Enquanto as moças sofrem com toda essa ansiedade e medo, os meninos são mais livres para entenderem esse ponto de suas vidas, tudo de um modo bem mais leve. Enquanto isso, para as garotas, o medo de perder a virgindade se torna um grande pesadelo a cada dia que passa conforme elas vão se tornando mais adultas.

Publicidade

Veja a seguir, algumas dicas simples que poderão te ajudar a ter uma primeira vez dos sonhos [VIDEO] ou, se você é um homem, para te dar uma chance de fazer uma mulher mais feliz, fazendo com que esta noite seja a mais especial de todas para ela:

Como tudo acontece

De acordo com uma ginecologista experiente no assunto, Livia Daia, doer ou não doer na primeira vez, para a mulher, não se trata de ter sorte ou não. Pois no momento do sexo, muitas questões emocionais ou até mesmo fisiológicas, poderão interferir para que a experiência seja prazerosa ou não.

Muitas pessoas afirmam que na primeira vez, será impossível a mulher sentir prazer, sendo que isso não é verdade. Pois do mesmo modo como uma moça pode sofrer com o estranhamento do sexo, outra pode se sentir nas nuvens por estar mais preparada para o momento.

Publicidade

A dor neste primeiro sexo pode surgir, [VIDEO] porém, não será nada traumático, segundo Livia.

O hímen e dor: qual a relação entre os dois?

Muitas mulheres, talvez a maioria delas, normalmente culpam o hímen pela dor que sentem na primeira transa e por isso, afirmam que perder a virgindade é algo dolorido e sofrido. Porém, nenhuma delas sabe de fato, como é ou, qual é o real aspecto dessa membrana.

Muitos não sabem, mas quase todos os himens não são como tampões situados no canal vaginal. Pelo contrário, eles se situam na parte externa, ao redor do canal em formato de círculo, fazendo assim com que essa passagem fique mais estreita. Sendo que, nem todos são assim dessa mesma forma necessariamente.

Acabando com a insegurança

Segundo a médica, o maior motivo que realmente pode causar a dor que a mulher sente na primeira vez é a tensão e o medo que ela sente. Tal sentimento faz com que a vagina se contraia e isso pode gerar muita dor. Ou seja, ela precisa estar completamente relaxada, tranquila e despreocupada para que este momento seja perfeito e especial.

Publicidade

Quanto mais segura ela estiver, menos desconforto sentirá.

Outro fator que influencia muito no bem-estar da mulher na primeira transa é a lubrificação vaginal. Esse fluído que sai da vagina faz com que a mucosa da região fique mais flexível para que tenha uma maior capacidade de distensão. A genitália feminina também fica menos ressecada e isso também previne a dor na hora H. [VIDEO]

Para as mulheres que acham que vão ter dificuldades na primeira relação sexual e que se sintam mais desconfortáveis em aceitar serem tocadas, Livia aconselha o uso de lubrificantes artificiais para que tentem amenizar todo este sentimento. Dica esta que pode ser de grande ajuda para as mais inseguras e travadas. #relação íntima #Saúde