Mais do que simplesmente alimentar a criança, o aleitamento materno assegura uma vida saudável. De acordo com documento publicado pela Rede de Bancos de Leite Humano da Fiocruz - Promovendo o Aleitamento Materno, o leite humano possui substâncias nutritivas e de defesa, que não se encontram em nenhum outro leite, protege contra várias doenças infecciosas e alergias.O documento acrescenta que trabalhos científicos indicam que a criança que mama no peito é mais inteligente.

Além de todos estes benefícios, amamentar proporciona à mãe e filho um momento importante, de afeto, que aumenta o vínculo. "Passei a minha gestação sonhando com este momento: pegar meu filho no colo e amamentá-lo, olhando o nos olhos, sentindo seu corpinho e dando a ele toda essa proteção.

Publicidade
Publicidade

Mas na prática a coisa foi diferente", afirmou Dalva Campos, mãe de Heberth. É importante a troca de experiências maternas e informações práticas ainda na gestação, seja em grupos de apoio, no centro de saúde ou em casa, com pessoas da família. "Eu, que sempre imaginei este momento e me preparei, cheguei a pensar em desistir.

Na verdade não foi nada fácil, mas não é algo impossível quando temos o apoio necessário", declarou Campos. Apesar das dificuldades iniciais, Dalva amamentou o filho exclusivamente até os seis meses, e continuou amamentando até os três anos sob livre demanda. "Aquele passou a ser o nosso momento. Dar a ele o meu leite foi um sonho realizado e também uma vitória que compartilho com todos os que me apoiaram neste processo,inicialmente tão doloroso e que se tornou muito prazeroso.Pude doar o leite em excesso, extraído manualmente", afirmou.

Publicidade

A mulher que estiver amamentando e desejar doar o leite em excesso, deve entrar em contato com um dos bancos de leite de sua região.

Leite fraco é mito

Uma preocupação recorrente das mulheres é se o leite está sendo suficiente para o filho. Segundo o Ministério da Saúde, não existe leite fraco. Como o leite é de fácil digestão, a criança pode chorar indicando a vontade de mamar mais vezes, e a orientação é dar de mamar sob livre demanda.

Nos primeiros sete dias após o nascimento do bebê o leite é chamado de colostro. Ele é como uma vacina para a criança, contém todas as propriedades que ela necessita e a defende de muitas doenças. O leite da mãe contém propriedades específicas para o filho e é o melhor alimento que se pode oferecer ao recém-nascido. Informe-se e, sempre que for necessário, peça auxílio, busque as instituições de referência em sua cidade e garanta ao seu filho o direito de amamentar. #Amamentação #SUS #AleitamentoMaterno