A obesidade é um drama que cerca a vida de muitas pessoas. Considerada um problema de saúde, ela pode predispor a várias doenças não só que acometem o coração, como o infarto, como muitos problemas psíquicos, como depressão e ansiedade.

Na cidade de Assis, um morador ilustre vive um pesadelo com seu corpo. O médico, Luiz Alberto Marquezine, pesa hoje aproximadamente 300 quilos.

Vive com tristeza no olhar e não mente ao falar que seu peso e sua condição corporal são motivo de muita tristeza e desespero. O médico vive no interior de São Paulo e trabalha em uma unidade básica de saúde da cidade. É muito conhecido e querido por todos que convivem com o médico famoso da cidade.

Publicidade
Publicidade

Dr Luiz, vive o drama com seu próprio peso há anos, e hoje passa a maior parte do tempo sentado em uma cadeira ou deitado em sua cama, na casa que reside com sua família. Segundo ele, não consegue ficar muito tempo em pé e hoje examina os pacientes que o procuram para uma consulta sentado. Dr Marquezine diz sentir vergonha da situação que chegou e pede ajuda para tentar superar o problema que esta vivendo.

Hoje o Dr Luiz Alberto pede ajuda para que ele consiga superar o grande problema que está vivendo com seu peso.

Sobre a obesidade

A obesidade é considerada o acúmulo excessivo de gordura no corpo humano. A medida para se chegar a um diagnóstico de obesidade é baseado em uma fórmula matemática que calcula o índice de massa corpórea, conhecido como IMC. Sabe-se que com um IMC acima de 30 devemos considerar a pessoa obesa.

Publicidade

O Brasil é um dos países com mais obesos no mundo, chega hoje a computar 18 milhões de obesos. O país com mais obesos do mundo é os Estados Unidos da América, caracterizado pela população adepta a comidas industrializadas do tipo "fast food".

Sabe-se que muitos fatores corroboram para a obesidade. A pré disposição genética não deve ser deixada de lado na hora de avaliar o problema. Outros fatores comportamentais e ambientais influenciam diretamente na soma de massa lipídica do corpo humano. Comer de forma irregular e com pouco conteúdo energético [VIDEO], além de não praticar exercícios físicos de forma regular são fatores que ajudam no aumento da incidência de obesos.

Com a obesidade não é só o padrão de beleza que fica em segundo plano, mas também as condições aceitáveis de saúde, em especial a saúde cardiovascular. Pessoas obesas tem maior predisposição a ter problemas como infarto do miocárdio, AVC (derrame) e até mesmo desenvolver alguns tipos de câncer. #CâmeraRecord #acelerasaopaulo #ibirapuera