Gosta de curtir o clima de azaração nas festas mais bombadas? Conhecer gente nova e até, quem sabe, rolar um algo a mais? É importante estar sempre prevenido e com uma #Camisinha a postos, pois nunca sabemos quando o clima vai esquentar. Já estamos no mês de setembro e o fim do ano está chegando. Com ele, alguns dos eventos mais esperados pelos jovens, como o Rock in Rio, por exemplo.

O Ministério da Saúde aproveitou a realização da sétima edição do Rock in Rio no Brasil para continuar a campanha #TemCamisinhaNaFesta.

A camisinha é o método mais simples para se prevenir da infecção do vírus HIV. Se em 1981, quando foram diagnosticados os primeiros casos de AIDS, a falta de informação predominava, agora, em 2017, a comunicação deve ser aliada e facilitar o trabalho de contenção da doença de uma maneira aberta e transparente.

Publicidade
Publicidade

Apesar do fácil acesso - as camisinhas são distribuídas gratuitamente em qualquer unidade de saúde -, algumas pessoas insistem em não se precaver. E não é só a falta do preservativo na hora da relação sexual que pode ser um prejuízo, o mau uso também é um problema.

Dúvidas sobre o uso da camisinha

- Utilizar mais de uma camisinha durante a relação sexual não vai "dobrar" sua proteção. Pelo contrário, aumenta o risco delas estourarem. Você só deve usar uma camisinha sempre;

- As camisinhas distribuídas gratuitamente pelo Governo são tão seguras quanto as vendidas nas drogarias. Então, não tem desculpa para não usar, é gratuito e eficiente;

- Camisinhas não são reutilizáveis. Após o uso, nem pense em guardá-las para uma próxima ocasião;

- Nunca use camisinhas vencidas. Após o prazo de validade, que varia de 3 a 5 anos, elas perdem a qualidade e podem estourar com mais facilidade.

Publicidade

Também nada de utilizar a camisinha de um tamanho diferente do ideal para o seu órgão sexual. Caso seja maior, ela pode escorregar do pênis; menor, pode estourar ou apertar, causando desconforto.

Vale lembrar que a camisinha não previne apenas o vírus HIV. O método preventivo também evita a contração de outras infecções sexualmente transmissíveis. Apesar dos benefícios do uso da camisinha, algumas pessoas acabam deixando para lá no calor do momento. Não faça isso. Caso tenha ingerido bebidas alcoólicas, a atenção deve ser redobrada. O álcool não pode influenciar nas decisões inteligentes.

É possível conviver com o vírus HIV

Caso tenha dúvida se contraiu o vírus HIV, não tenha vergonha de fazer o teste o mais rápido possível. Ele é rápido, seguro, sigiloso e gratuito em todo o Brasil. Quanto mais cedo descobrir a presença do vírus, mais eficiente será o tratamento.

Cuidado, jovens

Segundo dados oficiais do Ministério da Saúde, em 2015, a cada um caso de mulher com AIDS, existiam três homens com a doença. Os jovens entre 18 e 24 anos pertencem ao grupo mais vulnerável; somente 57% desses jovens que possuem HIV estão em tratamento.

Para sanar qualquer dúvida, é possível acessar o site aids.gov.br e obter maiores informações sobre prevenção e tratamento. #DST