Em nosso dia a dia, na correria do trabalho, no cuidado dos filhos e da casa, manter um peso adequado e consideravelmente saudável é difícil - e perder peso é mais difícil ainda. Muitas pessoas se engajam em diversas dietas e muitas delas falham. E começamos a pensar que aquela dieta [VIDEO] não serve para nós, o que pode ser verdade, afinal cada pessoa possui um metabolismo próprio e o nosso corpo reage de maneira diferente aos diferentes tipos de alimentos.

O sonho de todos aqueles que querem perder peso, é que existisse uma maneira fácil e simples de fazê-lo, mas, infelizmente, isso não existe. Porém, há inúmeras maneiras de se manter um bom relacionamento com a comida, de controlar o apetite e atingir o peso ideal.

Publicidade
Publicidade

Nutricionistas e médicos da Clínica Mayo, organização sem fins lucrativos que presta serviços de saúde, conduziram uma pesquisa com 50 participantes com o objetivo de desenvolver uma dieta capaz de fazer com que as pessoas pudessem comer até ficarem satisfeitas e ainda assim, conseguir perder peso.

Os resultados do experimento foram transformados em livro, dando surgimento a uma nova dieta, a Dieta da Mayo. Segundo Sonia Murgueytio Jurado, nutricionista da clínica, a dieta desenvolvida é baseada em evidências científicas. Veja algumas dicas nutricionais e comportamentais para perder e manter o peso ideal, baseado na dieta Mayo:

1 - Coma alimentos naturais na maior parte do tempo

Os especialistas da Clínica Mayo recomendam que uma dieta baseada em “alimentos reais”, isso é, alimentos mais próximos do seu estado natural possível.

Publicidade

Alimentos reais, ou naturais, como vegetais e frutas frescas, peixe e carne, são carregados de bons nutrientes. Já alimentos industrializados possuem poucos nutrientes e muita gordura adicional, açúcar, calorias e sal. Logo, é recomendado cortar ao máximo os industrializados e substitui-los por naturais. Se você ainda assim usar algum produto industrializado, escolha aqueles com menos ingredientes e certifique-se de que possui pouco açúcar, gordura e sal.

2 - Nunca coma enquanto assiste à TV

Chegar em casa do trabalho ou da faculdade, cozinhar seu almoço ou jantar e sentar no sofá para assistir à novela, é um hábito bastante comum de nós brasileiros. Mas para quem quer perder peso, isso pode custar algumas calorias a mais e quebrar a sua dieta. Os especialistas explicam que, quando assistimos à TV durante a refeição, não prestamos atenção no que estamos comendo e no quanto estamos comendo, e, por isso, existe uma grande chance de beber um pouco de refrigerante a mais ou mordiscar um pouquinho mais do que deveria e isso leva a ingerirmos alimento em excesso.

Publicidade

É preciso controlar o tempo de TV e aumentar o tempo de atividades físicas. O recomendado é que para cada 30 minutos de atividade física, você tem o direito de assistir a 30 minutos de TV.

3 - Pare de comer fora de casa (ou pelo menos tente)

Todos nós sabemos que é cada vez mais difícil para quem trabalha ao longo do dia, realizar refeições regularmente em casa. Mas o hábito de comer em restaurantes, padarias e lanchonetes é muito ruim para quem segue uma dieta. O cardápio de rua é bastante atrativo e possui muitas calorias e é inevitável não se sentir atraído por esse tipo de alimento. Para evitar essa tentação, você pode planejar o que vai comer em casa durante toda a semana. Escolha um dia como o domingo e planeje o seu café da manhã, almoço, lanche e jantar para cada dia da semana. Pode parecer um pouco paranoico, mas será bastante eficiente na manutenção da sua dieta.

4 - Faça exercícios mais vezes e com mais frequência

Todo mundo já está cansado de saber que atividades físicas são determinantes para a perda de peso. Mas qual o melhor exercício para você? Para os especialistas da Clínica Mayo, o melhor exercício é aquele que você já faz no seu dia a dia, isso é, caminhar até o mercado, subir escadas, passear com o cachorro, etc. Você não precisa se sacrificar durante horas na academia, apenas adapte seus hábitos para se movimentar mais e perder mais calorias.

#SaudeFeminina #Fitness