Publicidade
Publicidade

Uma das principais causas de morte no mundo é o acidente vascular cerebral (AVC), mais conhecido como derrame cerebral. Se engana quem pensa que esse mal só atinge pessoas idosas, ele pode atingir homens e mulheres de qualquer idade.

Quanto mais jovem a pessoa, mais grave o AVC se torna. Por isso é importante conhecer os sintomas. Confira agora os cinco sinais de que você está prestes a ter um acidente vascular cerebral:

Equilíbrio

Quando se inicia um processo de derrame cerebral ,a pessoa afetada perde a capacidade de se equilibrar e a coordenação motora.

Visão

Esse é um dos sinais mais importantes. Quando o indivíduo está sofrendo um acidente vascular cerebral, sua visão se altera.

Publicidade

A pessoa pode começar a ver manchas escuras ou objetos duplicados. Nesse caso é importante procurar a emergência mais próxima.

Rosto desigual

O clássico sintoma de um derrame cerebral é o rosto que fica paralisado apenas de um lado, com olhos sonolentos e boca torta. Nessa fase é importante que a pessoa seja levada o mais rápido possível para o hospital, a fim de se tentar reverter o derrame.

Braços fracos

Uma pessoa que está sofrendo um AVC fica com os braços moles e sem força alguma neles.

Não consegue se comunicar falando

Quando a pessoa está sofrendo um derrame cerebral, ela não consegue falar corretamente as palavras e muitas delas ficam incompreensíveis.

Esses são os cinco principais sintomas de um derrame cerebral. A rapidez no atendimento nessa hora é o que determina se a pessoa vai ou não sobreviver.

Publicidade

Caso note esses sintomas em alguém, leve-o imediatamente ao pronto socorro mais próximo. Se você está sentindo os sintomas, peça ajuda imediatamente para chegar ao hospital.

Fatores determinantes para o AVC

  • Colesterol ruim
  • #Diabetes
  • Pressão alta
  • Estar acima do peso
  • Fumo
  • Consumo de álcool
  • Condições genéticas
  • Problemas cardíacos
  • Uso de drogas ilícitas

Como evitar o acidente vascular cerebral?

Você pode evitar mantendo uma alimentação saudável e equilibrada, evitar o consumo excessivo de sal, beber pouco ou cortar totalmente o álcool. Também dá para evitar um derrame praticando exercícios físicos regularmente e evitar o consumo de alimentos embutidos.

Controlar a pressão arterial e perder peso, caso esteja acima do ideal, também ajudam na prevenção do AVC. Não se deixe ser a próxima vítima de um acidente vascular cerebral. Alerte também seus familiares para que se cuidem e vivam mais e com mais saúde. #droga