Publicidade
Publicidade

Uma família comum, que estava em férias, decidiu tirar algumas fotos. A pequena Rose, de apenas seis meses, era a grande atração da família que se divertia. O avô de Rose, após algumas poses feitas pela neta, tirou uma foto do rosto da menina. A foto foi com flash, e o avô da pequena notou algo em seus olhos.

Com seis meses, Rose foi diagnosticada com um tipo de câncer agressivo que acomete o fundo do olho de crianças, o retinoblastoma.

O avô de Rose, Terry, disse que um olho não ficou vermelho com o reflexo do flash da câmera, e sim branco, o que chamou muito a atenção dele, procurando um médico oftalmologista assim que conseguiram uma consulta.

Publicidade

A pequena Rose conseguiu se livrar de um tumor em fase inicial no olho esquerdo, mas no olho direito a doença já estava em fase mais avançada, e não pôde ser feito muita coisa para salvar a visão da pequena. Mas o tumor foi "morto" e não corre o risco de espalhar para outros órgãos do corpo humano.

O que é o retinoblastoma?

O retinoblastoma é um tipo de câncer que acomete o olho de crianças em especial. O local que o tumor se desenvolve no fundo do olho da criança é a retina. A retina é uma estrutura que está localizada no fundo do olho, ela é responsável por receber todo o estímulo luminoso do meio ambiente e, após processar, enviar a informação para o sistema nervoso central. A retina é a sede de muitas doenças oftalmológicas durante a vida e local de maior incidência de câncer oftalmológico na infância.

Publicidade

O câncer [VIDEO] que acomete a retina, retinoblastoma, é diagnosticado em muitas situações através de exame de reflexo vermelho, realizado por médico na maternidade ou ao exame de fundo de olho, que é muito importante para a visualização de todas as estruturas da retina.

A foto com flash pode ajudar muito para chamar atenção de um possível diagnóstico. Ao tirar uma foto com flash, o normal é que o olho fique vermelho, indicando que não existe nenhuma opacidade no fundo de olho da criança, mas se houver algo impedindo a luz de chegar à retina, o olho da criança ficará esbranquiçado na foto.

Vale lembrar que existem casos de retinoblastoma em que não ocorre nenhuma alteração na foto tirada com flash, portanto é importante entender que o profissional médico oftalmologista é o melhor profissional para realizar um diagnóstico precoce e consequentemente aumentar as chances de cura da doença, evitando a cegueira e até mesmo a morte da criança acometida com o câncer de retina. #bemestar #A Fazenda #Saúde