Publicidade
Publicidade

A saúde da mulher é algo que precisa realmente de grandes cuidados. [VIDEO] A uretra feminina é bem menor do que a do homem e, por isso, as representantes do gênero feminino acabam mais expostas a doenças genitais. Por isso, a presença das mulheres em um ginecologista é tão importante. [VIDEO] Praticamente toda mulher já sofreu ou conhece alguém que já teve algum mal ginecológico. Cuidar de si ajuda a mulher a evitar entraves, e, é claro, ter uma trajetória um pouco mais duradoura e, é claro, saudável ao longo da vida.

Uma das maiores preocupações da mulher é se a sua #vagina está ou não fedendo. O mau odor no órgão genital feminino pode ter diversas influências.

Publicidade

Algumas vezes, até mesmo uma doença. Algumas mulheres ficam até paranoicas quando sentem um cheiro ruim vindo dessa região. Por isso, elas ficam atentas a tudo o que acontece em meio a cada uma de suas atitudes.

Conheça o que pode deixar a vagina com um cheiro nada agradável e previna-se

Pensando em evitar que mais representantes do gênero feminino sejam alvos de constrangimento, fizemos uma lista de coisas que podem contribuir para que o odor fique ruim na região íntima. O diagnóstico do mal, muitas vezes, é bem mais simples do que parece. Fique ligada e evite que isso volte a acontecer.

1 - Menstruação

É comum que nesse período, a mulher fique mais suscetível a ter #mau cheiro naquele lugar. O óvulo da mulher que não teve fecundação, a partir de um forte fluxo de sangue, acaba sendo expulso do seu corpo.

Publicidade

Normalmente, o pH da vagina é neutro, mas no período menstrual, ele varia, chegando até mesmo a 4,5. Quando a região íntima está com sangue, ela chega a até 7,5 de acidez, o que ajuda a propagar o cheiro ruim no ambiente. A mulher mantendo cuidado na higiene durante esse período, evita que o odor péssimo continue.

2 - Infecções

O segundo motivo para o odor nada agradável pode ser bem mais sério. Bactérias podem estar se proliferando nessa área e causando os cheiros que ninguém quer sentir.

3- Relação sexual

Durante a troca de prazer, acontece uma troca de bactérias, essas acabam provocando cheiros muito fortes. Por isso, após o ato íntimo é indicado que os parceiros tomem um banho e deixem a região arejada.

4 - Medicamentos

A antibioticoterapia é o principal medicamento que faz com que a vagina fique dessa forma. Na dúvida, não deixe de questionar ao seu médico se tudo o que está acontecendo com você é normal, ou, na verdade, está envolto de algo mais importante.

Deixe o seu comentário. Ele é sempre relevante.