O Tribunal de Justiça do estado de São Paulo realizou no último domingo a prova do concurso público para escrevente técnico judiciário. Porém, as vagas eram apenas para a cidade de São Paulo e algumas da região metropolitanas. O litoral e interior não foram contemplados. Embora o edital com as demais cidades estivesse previsto para o meio do ano de 2014, ele ainda não caminhou por que há alguns processos no Conselho Nacional de Justiça (CNJ) que esperam solução.

Os remanescentes dos concursos anteriores para escrevente técnico judiciário do Tribunal de Justiça de São Paulo entraram com um processo judicial pedindo o direito de nomeação.

Publicidade
Publicidade

Os candidatos acreditam que já que há vagas e eles estavam na lista de espera do concurso eles têm direito a assumir. Ao mesmo tempo, o Tribunal de Justiça de São Paulo alega que o concurso já venceu e que os candidatos não estavam na lista de aprovados e sim na de espera. Como o concurso não tinha prorrogação obrigatória, eles tinham dado continuidade a um novo edital, mas foram barrados pelos processos.

Finalmente essa situação será julgada pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ) na próxima plenária agendada. Esses processos podem ser incluídos em um dos três dias marcados que são 12, 15 e 16 de dezembro. Como são 137 processos, pode acontecer de nem todos serem julgados agora e uma nova data deverá ser agendada, caso isso aconteça.

O Tribunal de Justiça do estado de São Paulo tem 600 vagas previstas para esse novo concurso e estas serão divididas entre cidades do litoral e do interior paulista.

Publicidade

Esse número poderá mudar, dependendo do das decisões do CNJ. Quem tiver interesse em concorrer precisa ter o ensino médio completo. O salário inicial é de R$ 3.878, mas há também auxílio-alimentação de R$ 29 por dia, auxílio-creche de R$ 200 e auxílio-transporte de R$ 6 por dia, totalizando até R$ 4.848.

Os interessados provavelmente terão um processo seletivo semelhante ao que foi realizado na capital paulista. Primeiro, há uma prova de múltipla escolha e os aprovados são submetidos à prova prática de digitação que é classificatória e eliminatória. #Trabalho #Dicas