A SAA/SP (Secretaria Estadual de Agricultura e Abastecimento de São Paulo) não abre oportunidades de #Trabalho por meio de concurso público há muito anos, quase uma década. Finalmente, o órgão informou a necessidade de realizar um novo concurso para contratar 507 profissionais que irão trabalhar em diversos setores executando funções conforme o cargo.

Vagas e salários

De acordo com o site JC Concursos, quando o concurso for aberto, haverá 15 oportunidades reservadas para os candidatos a trabalhar como auxiliar de apoio agropecuário. Para concorrer a essa função, é necessário possuir somente o nível escolar até a 4° série (primário e alfabetizado). Para o cargo de oficial de apoio agropecuário, serão destinadas 26 vagas. Os candidatos devem possuir no mínimo o ensino fundamental completo.

Além disso, a SAA/SP vai oferecer 289 oportunidades para os cidadãos que já completaram o ensino médio. Os interessados que possuem este nível de escolaridade podem se disputar as vagas para as seguintes funções: oficial administrativo, oficial e técnico de apoio às pesquisas, agente e técnico de apoio agropecuário. Vale ressaltar que para alguns cargos é necessário comprovar experiência no ramo.

Os candidatos que possuem graduação em curso superior podem concorrer as 177 vagas. As oportunidades para os profissionais serão distribuídas entre as áreas de atuação. Logo, haverá vagas para analista administrativo, assistente agropecuário, assistente técnico de pesquisa científica e tecnológica, engenheiro, pesquisador científico e executivo público.

Com relação aos salários, a remuneração paga aos novos funcionários pode variar de acordo com a profissão e a jornada de trabalho. Dessa forma, o valor mínimo é de R$ 928,00, sendo possível chegar até R$ 4.173,85.

O concurso

A solicitação para que o concurso seja divulgado e publicado o edital já foi feita para a SGP/SP (Secretaria Estadual de Gestão Pública de São Paulo). Entretanto, ainda não houve resposta, pois é necessário analisar as condições orçamentárias para a abertura de um concurso, além da autorização do governador Geraldo Alckmin.

Todavia, a boa notícia está na informação de que a necessidade de contratação de novos funcionários é reconhecida pelos setores responsáveis. Isso pode ser um ponto positivo para que o concurso seja aberto o mais rápido possível. #Governo