Todos têm estado à espera da abertura das inscrições para os concursos públicos no estado de Minas Gerais. Já se encontram abertas inscrições para vários concursos neste ano de 2015.

O tão esperado concurso da Polícia Militar de Minas Gerais abriu inscrições para 1.410 vagas para o Curso de Formação de Soldados do Quadro de Praças da PM, para o ano de 2016. São 1.269 vagas reservados aos candidatos masculinos e e 141 femininos. O candidato aprovado terá remuneração básica inicial de R$ 3.049,05. Para concorrer, o candidato deve estar em dia com as obrigações eleitorais e militares; ter idade mínima de 18 anos e máxima de 30 anos; ter altura mínima de 1,60 cm; apresentar sanidade física e mental, e aptidão física; ter concluído o ensino médio (2º grau completo).

Publicidade
Publicidade

Além disso, é necessário que o candidato passe na avaliação psicológica. Confira outras exigências e mais informações no edital.

A Prefeitura de Belo Horizonte está com 300 vagas abertas para concurso para o cargo de Assistente Administrativo. O salário será de R$ 1.682,92 com carga horário de 40 horas semanais. 30 das vagas oferecidas são reservadas a pessoas com deficiência. A exigência mínima é que o candidato tenha concluído o ensino médio (2º grau completo). As inscrições serão feitas no site da Fumarc.

O Estado de Minas Geais está com inscrições abertas para cargos de carreira da Secretaria de #Educação (SEE) com 17.630 vagas para os níveis médio/técnico e superior. O edital está disponível no site do Instituto Brasileiro de Formação e capacitação (IBFC).

Publicidade

O INSS também abrirá em breve as inscrições para concurso público com um total de 4.730 vagas. 2.000 vagas serão para o cargo de Técnico do Seguro Social (nível médio), 1,150 para Médico Perito e 1.580 para Analista do Seguro Social. O concurso já foi aprovado pelo Orçamento da União de 2015, mas ainda não tem data prevista. Acompanhe os procedimentos no site da Câmara.

Em breve também haverá o lançamento do concurso dos Correios, do Banco do Brasil, da Polícia Federal, da Receita Federal e IBGE. Fique atento. #Trabalho #Dicas