Se você busca estabilidade em um emprego e um bom retorno financeiro na área judicial essa notícia é pra você. O edital do concurso público do Superior Tribunal de Justiça deve sair ainda esse mês com vagas para analista judiciário e técnico, sendo exigido ensino superior e ensino médio respectivamente. A assessoria do STJ confirmou que o edital deve ser divulgado até o final de julho.

A banca organizadora já foi escolhida e será a Cespe/UbB, a mesma que organizou o último concurso do órgão que aconteceu em 2012. Para os interessados em estudar uma dica importante é pegar o edital anterior e verificar os estudos cobrados, sendo a mesma organizadora as questões seguirão o mesmo estilo e os assuntos basicamente os mesmos.

Esse concurso será bastante concorrido pois para função de técnico o salário inicial é de R$ 6.117,88 somando o auxílio-alimentação e a gratificação. Já para analista o salário é ainda mais vantajoso: R$ 9.555,93 também somado com os benefícios. O concurso será dividido em três áreas distintas para técnico: saúde bucal, tecnologia da informação e administração.

Para analista os cargos serão para suporte em tecnologia da informação, pedagogia, serviço social, médico pediatra, fisioterapia, arquitetura, engenharia civil, engenharia elétrica, contadoria, comunicação social, arquivologia, análise de sistemas de informação, segurança e administração.

No final dessa semana, o organizador e o STJ vão oficializar a parceria, ato que será divulgado no Diário Oficial da União. É provável que seja dado o prazo de dois meses entre a publicação do edital e a realização das provas, portanto esse será o prazo que os candidatos terão para colocar os estudos em dia, principalmente do conteúdo pragmático e as novidades que podem surgir em relação ao último edital. A previsão é que as provas objetivas sejam realizadas entre setembro e outubro.

Ainda não foi divulgada a quantidade de vagas que serão disponibilizadas, mas ao que se sabe serão pelo menos 90 oportunidade ou mais levando em consideração as vacâncias e aposentadorias.

#Trabalho #Vagas