A Fiocruz iniciou o #Curso de Atualização em Cooperação Internacional de Saúde que foi aberto para profissionais formados em nível superior em qualquer área de atuação. O curso teve início no dia 31 de agosto e vai até o dia 11 de setembro. Foram disponibilizadas 50 #Vagas para o curso que tem carga horária de 40 horas. Os interessados tiveram até o dia 18 de agosto para realizar a matrícula.

Esse curso aborda fatores da bioética, relações internacionais e saúde pública. Tudo é estudado levando em consideração a articulação entre alguns conceitos como cooperação, desenvolvimento e desigualdade. O objetivo é promover a análise crítica das práticas de desenvolvimento, das políticas e das condições de saúde no mundo como um todo, mas em especial a cooperação na Era das Nações Unidas.

Publicidade
Publicidade

No curso são discutidos os antecedentes históricos depois da Segunda Guerra Mundial, até os dias de hoje. Esse período de tempo é caracterizado pela formalização da responsabilidade do estado como regulador em processos de desenvolvimento que podem estar associados as situações de desigualdade no âmbito da saúde, levando em consideração o contexto internacional.

São apresentadas algumas análises e críticas sobre as diferentes entre a evolução científica e tecnológica e o crescimento das desigualdades sociais. A discussão leva em consideração os aspectos práticos e conceituais da Cooperação Internacional em Saúde. Além de políticas internacionais e nacionais a cerca de doenças crônicas ressaltando a ação estatal, impasses éticos e problemas.

O processo de seleção aconteceu entre os dias 19 e 21 de agosto.

Publicidade

Eles analisaram a carta de intenção e os currículos de todos os candidatos. A lista com os nomes dos aprovados foi publicado no site da Fiocruz. O prazo para a realização de matrícula foi do dia 24 a 27 de agosto, presencialmente na Secretaria Acadêmica da Fiocruz Brasília.

Esse tipo de curso é uma importante ferramenta, pois além de promover a reflexão, também é uma forma de atualização de profissionais e ajuda a melhorar o currículo de quem está em busca de uma colocação no mercado de trabalho.