O programa Global Citizens of Tomorrow (Cidadãos Globais do Amanhã, em tradução livre) abre suas inscrições para bolsas de estudo amanhã (22). Ele oferece a oportunidade de dez bolsas de estudo para brasileiros estudarem no exterior. Há a opção de estudar em diversos países, dando a possibilidade do estudante escolher o que mais lhe agrada.

O Global Citizens of Tomorrow foi criado visando jovens com bom desempenho escolar. Ano passado outros dez estudantes foram selecionados e eles embarcam neste mês de agosto ou setembro para estudar fora do Brasil. Além disso, o Brasil deve receber ainda em agosto doze estudantes americanos que participaram do programa em seu país.

Publicidade
Publicidade

A seleção para a bolsa acontece em quatro etapas. Primeiramente, é feita uma prova online com 15 perguntas de múltipla escolha sobre matemática e mais 15 sobre inglês. Os candidatos também devem produzir uma redação na língua inglesa. A segunda etapa da seleção consiste numa seleção regional presencial, onde o objetivo é testar a proficiência no inglês. A terceira parte é feita por preenchimento de formulários online. Para finalizar, a quarta etapa consiste numa visita à casa dos finalistas e suas famílias para o programa.

Além do Brasil, o programa oferece bolsas para China, Estados Unidos, África do Sul, Malásia e Índia. Ele existe desde 2011 e surgiu como parceria entre a AFS Intercultura Brasil e BP.

Requisitos

A bolsa é voltada para jovens com renda familiar de até seis salários mínimos (será solicitada comprovação de renda), nascidos entre 15 de março de 1998 e 1 de agosto de 2001 e cursar ensino médio em escola pública ou ter bolsa integral em particular.

Publicidade

Para ser elegível, também é importante nunca ter sido reprovado e ter notas acima de 8, principalmente nas matérias de ciências exatas e inglês. E, claro, é necessário ter inglês no mínimo avançado, já que isso será testado no processo de seleção.

O que a bolsa inclui

A bolsa inclui a passagem aérea de ida e volta, seguro de saúde, ajuda de custo de US$ 120 mensais, material escolar, hospedagem, alimentação e transporte entre casa e escola.

Os selecionados no programa embarcam para o exterior com a bolsa de estudo em agosto de 2016. #Educação #Viagem