Já pensou em trabalhar durante suas férias, ganhar em dólar e ainda conhecer um outro país? Se você estava em busca de uma oportunidade como essa, ela chegou.  A Missão dos #EUA no Brasil divulgou o lançamento do programa Summer Work Travel (SWT), que oferece aos estudante brasileiros #Vagas de emprego nos Estados Unidos durante os meses de dezembro, janeiro, fevereiro e março. Há vagas para quem cursa bacharelado e tecnólogo.

O sistema de seleção não é complicado e os pré-requisitos são: fluência no idioma inglês e estar regularmente matriculado em um curso de graduação presencial com no mínimo um semestre concluído. É importante lembrar que estudantes que estão com a matrícula da universidade trancada não podem participar deste programa e também não é possível participar do processo seletivo alunos que tenham aula durante o período do programa, ou seja, o candidato não pode optar por faltar aulas para viajar.

Publicidade
Publicidade

A exigência de fluência em inglês é de extrema importância pois as entrevistas serão todas feitas no idioma do país, sem mencionar a necessidade de conhecimento para exercer bem sua função durante o tempo de #Trabalho

Como se inscrever

Cada candidato é responsável pela procura de vagas e inscrição nas mesmas, mas não há limite de inscrição, um mesmo candidato pode se cadastrar em mais de uma vaga de seu interesse. Para conseguir o visto de trabalho e habilitar sua participação no Summer Work Travel, o estudante deve sair do Brasil com o contrato de trabalho acertado.

O programa durará no máximo 4 meses, sendo que o candidato terá até um mês livre nos Estados Unidos para viajar e conhecer o pelo país após o término do vínculo trabalhista.  Mesmo que o estudante possua visto de turista para ir aos EUA é obrigatório ter o visto J1 para participar do SWT. 

Outras informações sobre as vagas e solicitação do visto podem ser encontradas no site do J1 Visa, mas o Consulado de São Paulo com o intuito de mediar e repassar informações aos brasileiros interessados criou uma série de bate-papos que serão transmitidos pelo Facebook do próprio consulado.