Diversos Institutos Federais de #Educação, Ciência e Tecnologia (IF) no Brasil estão com processo seletivo para preencher o a função de professor do seu “Quadro Permanente do Magistério”. Assim como nos Estados do Mato Grosso do Sul e do Rio de Janeiro, o Instituo Federal de Goiás (IFG) lançou o #Edital nº 168/2015 para suprir as vagas de professor, sendo que há vagas para dois regimes de trabalho:

- 20 horas semanais, onde a remuneração inicial é entre R$ 2.018,77 (com título Graduação) até R$2.983,59 (com título Doutorado).

- 40 horas semanais, onde o salário inicial varia entre R$ 4.014,00 (com título de Graduação) até o montante de R$8.639,50 (com título de Doutorado)

As vagas são para as diversas áreas do conhecimento e estão distribuídas nos 15 campus do IFG, das quais as cidades de Goiânia, Itumbiara, Anápolis, Formosa, Águas Lindas de Goiás, Valparaíso de Goiás, bem como na capital, Goiânia.

Publicidade
Publicidade

Como se candidatar?

Para se inscrever, basta acessar o endereço eletrônico do IFG durante o período candidatura, que decorre de 19 de outubro até o dia 3 de novembro de 2015, e proceder com as orientações. A taxa de inscrição é de R$120,00.

Como será a seleção?

O certame será realizado nas seguintes etapas, conforme consta no edital:

- Prova Dissertativa de Conhecimentos - tem o caráter eliminatório e classificatório e será realizada dia 20 de novembro de 2015;

- Prova de Desempenho Didático - de caráter eliminatório e classificatório, está previsto para ocorrer nos dias 13, 14 e/ou 15 de dezembro em algumas cidades, e nos dias 20, 21 e/ou 22 de dezembro de 2015 em outras cidades;

- Prova de Títulos e proposta de Projeto de Pesquisa ou Extensão - de caráter apenas classificatório.

Aos nomeados

O resultado final de caráter provisório, visto que nesse momento ainda cabem recursos, está previsto para ser divulgado dia 1 de fevereiro de 2016, e o resultado final definitivo no dia 5 do mesmo mês, com homologação do certame até o dia 29 de fevereiro de 2016, conforme o anexo 1 do edital.

Publicidade

As atribuições do cargo são “as relacionadas ao ensino, à pesquisa e à extensão no âmbito das Instituições Federais de Ensino; nos diversos níveis (Ensino Básico, Técnico e Superior) e modalidades” bem como às funções “inerentes ao exercício de direção, assessoramento, chefia, coordenação e assistência na própria instituição, além de outras previstas na legislação vigente”, conforme item 4 do edital.