A Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) abre vagas para 150 candidatos que estarão realizando as provas no dia 20 de março deste ano. As vagas são para preencherem as áreas de analista administrativos, especialista em regulação de aviação civil, técnico administrativo e técnico de regulação de aviação civil.

As inscrição já estão abertas desde o dia 14 de dezembro, só podendo ser feitas pela internet no site  www.esaf.fazenda.gov.br  e vai ser encerrada no dia 4 de janeiro deste ano as 23 h 59 min pelo horário de Brasilia. A taxa de inscrição custa R$150,00 para os cargos de nível superior e R$90,00 para o nível intermediários, o boleto para pagamento esta disponível no site e só poderá ser impresso se o candidato concluir a inscrição.

Publicidade
Publicidade

Para as vagas de analista serão abordadas as seguintes disciplinas: língua portuguesa, língua inglesa, raciocínio lógico quantitativo e estatístico ,direito administrativo e constitucional. Conhecimento específicos nas áreas: administrativa pública, administrativa geral, estratégia e planejamentos, gestão de pessoas, contabilidade pública, auditoria e controle, administração financeira e orçamentária, finanças públicas, gestão e desenvolvimento de sistemas, gestão de infraestruturas de TI e governança de TI.

Para as vagas de especialistas em regulação de aviação civil serão abordada as seguintes disciplinas: língua portuguesa, língua inglesa, Dreito administrativo, Direito constitucional, legislação do sistemas de aviação civil e administração pública.

Além destes também serão abordadas as disciplinas na área de conhecimento específicos como: legislação especifica, Direito constitucional e administrativo, Direito civil e processo civil, Direito empresarial, direito econômico e do consumidor, Direito internacional público e privado, Direito tributário, gestão estratégica e economia da regulação, métodos quantitativos, engenharia mecânicas ,engenharia aeronáutica e engenharia de produção, contabilidade, economia,gestão governamental, gestão estratégica e economia da regulação.

Publicidade

      #Educação #Desemprego #Curso