O ano mal começou e os concurseiros já estão em intensidade máxima na preparação para os certames que serão realizados nos próximos meses. De acordo com o governo federal brasileiro, a suspensão de alguns concursos previstos é uma medida que visa cortar gastos. Porém, os editais abertos e previstos somam 94,9 mil #Vagas para todos os estados da federação, em todos os níveis de escolaridade.

Os candidatos que estão de olhos em vagas como o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e o Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS), que oferecem juntos 1550 vagas mais cadastro de reserva, sabem que não serão seleções fáceis.

Publicidade
Publicidade

Eunice Barbosa está estudando para o concurso do INSS e quer uma vaga de nível médio na autarquia. "Esse foi um concurso muito esperado em 2015. Estou apostando em aprofundar os conhecimentos em Direito Previdenciário e depois partir para as disciplinas básicas, que são comuns a todos os concursos. Já vejo que a banca não vai pegar leve com a gente", disse a vendedora.

Federais

No âmbito da União, ainda estão previstas seleções para a Eletrobas Eletronuclear e a Fundação Nacional do Índio (Funai). São cerca de 82 mil contratações temporárias, visando fazer o censo IBGE 2016 do setor agropecuário.

O Serviço Geológico do Brasil será realizado também neste ano, organizado pelo Cespe/UnB, com 52 vagas para técnico de nível médio.

Municipais

Com as eleições municipais, os concursos locais serão restringidos.

Publicidade

Isso porque a lei 9.505/97 estabelece que nos três meses que antecedem o pleito não é possível realizar nomeação, contratação ou admissão de servidores. Os aprovados em 2015 podem tomar posse antes desse prazo ou apenas depois.

Porém, os concursos federais e estaduais não são afetados pela lei e acontecem sem restrições.

Orçamento baixo

Ainda em 2015, o governo brasileiro sentiu os efeitos da crise econômica e decidiu bloquear alguns gastos para 2016, no valor de R$ 26 bilhões. Na proposta, alguns concursos foram suspensos e 40.389 cargos reservados. Este número foi dado pelo Projeto de Lei Orçamentária (PLOA), porém ele não especifica quais concursos foram barrados ou os cargos que estavam previstos. #Seleção de Futebol #Edital