Isso mesmo, para a felicidade dos candidatos de olho em concursos públicos, o 2016 será bastante promissor, já podem comemorar! Estão em andamento quase 19 mil vagas em todo país; os certames contam com remunerações que chegam a alcançar até R$ 27,5 mil, como é o caso do Tribunal Regional do #Trabalho da 3ª Região e do Ministério Público do Rio de Janeiro, entre outros, que sinalizam oportunidades com remuneração superior a R$ 10 mil.

Tendo em vista, contamos com alguns dos concursos mais aguardados de todos os tempos, concursos esse que oferecem uma quantidade elevada de #Vagas, salários atrativos, nos cargos de nível médio e nível superior em diversas áreas de formações.

Publicidade
Publicidade

Saiba quais os certames mais aguardados:

Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) oferece 950 vagas, com lotação em vários Estados, inclusive municípios brasileiros, para nível médio e nível superior nos respectivos cargos de técnico e analista. Com relação às inscrições, elas estão abertas até o dia 22 de fevereiro, com taxa no valor de R$ 65,00 (nível médio) e R$ 80,00 (nível superior). Confira informações.

Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), são 600 oportunidades, com lotação em diversos Estados brasileiros, para o nível médio e nível superior nos cargos de técnico, analista e tecnologistas. As inscrições vão até o dia 28 desse mês, com taxas de no valor de R$ 49,00 (nível médio) e R$ 69,00 (nível superior). Informações completas podem ser visualizadas no edital.

Publicidade

Confira aqui o edital

Governo Federal

Informações anunciadas pelo próprio Governo Federal no 2º semestre de 2015 ficaram claras, com relação ao pacote de redução de gastos, ou seja, um corte no orçamento no exercício de 2016 que suspenderiam os concursos desse ano. Questiona-se como determinada situação poderá ocorrer se o quadro de servidores está defasado, falecimentos repentinos, exonerações, tempo de aposentadoria que já se faz presente para muitos, o corte do abono de permanência (benefício pago aos servidores com direito adquirido, no caso a aposentadoria e continuam trabalhando)..., Então, como o Executivo Federal pretende fazer com tantos cargos vagos? Com a falta de pessoal? Naturalmente, a saída são os processos seletivos!

Logo, há uma explicação significante com relação ao corte do orçamento. Caso aconteça algo semelhante, o Ministério do Planejamento (MPOG) tem o poder de autorizar de forma excepcional, em consonância com pressupostos necessários a liberação dos certames imprescindíveis. Portanto, não há como o concurseiro desanimar agora, pois, encontramos um leque de oportunidades vinculadas aos mais diversos concursos ao longo de 2016. #Dicas