O Ibama (Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis) informou logo no 1.º mês de 2016 que intenciona remeter novamente e com urgência, uma solicitação ao MPOG - Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG) no que se refere a necessidade do instituto da realização de um novo concurso público para o seu quadro de funcionários.

O pedido tinha sido feito anteriormente em maio de 2015, requerendo 680 vagas – 500 para o cargo de analista ambiental e 180 para desempenhar a função de analista administrativo, em ambos os casos, o nível de escolaridade necessário é o superior completo. Basicamente, o Ibama visa o aumento do quadro de colaboradores nos cargos de analistas administrativo, ambiental e para 2016, haverá a inclusão do cargo de técnico administrativo.

Publicidade
Publicidade

Enfim, esse novo requerimento para a realização do concurso tem de ser obrigatoriamente feito até 31/05/2016, a fim de que possa ser estudado e também incluso na chamada Lei Orçamentária Anual (LOA) de 2017. A última avaliação do Ibama de que se tem notícia, aconteceu em 2012, ocasião em foram oferecidas 300 oportunidades para a instituição, onde o prazo de limite da validade desse último concurso expira até 17/12, não podendo haver em hipótese alguma, mais uma prorrogação.

O cargo de técnico administrativo por conjecturas e pela lei deverá realmente ser incluso na solicitação de 2016, porque o requerimento tem de ser refeito ao Planejamento para o processo de abertura da prova de 2017, ou seja, não existirá cadastro vigente para a chamada de novos técnicos se o prazo for esgotado.

No certame de 2012 foram disponibilizadas 300 posições, 6 dessas se destinaram ao Estado do Rio de Janeiro, com a exigência de formação escolar no nível médio e com ganhos salariais tendo os seguintes valores: R$ 2.580,72 (R$ 1.489,52 de salário-base, R$ 787,20 de gratificação e R$ 304 de auxílio-alimentação).

Publicidade

A avaliação em si se constituiu de uma prova com questões objetivas, que envolviam além dos conhecimentos básicos, também aqueles mais específicos.

Fato é, que o Ibama, não conseguirá atender todas as demandas pertinentes ao seu papel devido a enorme falta de pessoal qualificado no seu quadro de funcionários. Daí a projeção, de que a homologação para que esse concurso possa ocorrer ainda no ano de 2016, para que os aprovados possam assumir os seus postos em 2017.

Outra correlação é que para os cargos de analista ambiental (108 vagas) e administrativo (61 vagas em) ainda em 2012, o mesmo Estado do Rio de Janeiro teve direito a 15 posições na função de analista ambiental. Sendo que o processo seletivo na época caracterizou-se por avaliações objetivas e discursivas. Vale frisar de que o salário básico para o cargo em questão era de R$ 7.675,45.

Quanto ao pedido do ano de 2016, não se sabe até o presente, qual a quantidade de vagas a ser incorporada para o novo concurso ou se o número será o mesmo de 680 vagas, havendo ou não o novo cálculo de quantidade de vagas de acordo com a inclusão do cargo de técnico administrativo.

Publicidade

Resumindo, é o tempo de se prestar atenção na data de abertura das inscrições para o concurso do Ibama e também para se estudar mais, aumentando as chances de se ter sucesso prova. #Trabalho #Seleção de Futebol #Curso