Em tempos de crise econômica e política os brasileiros estão buscando novas oportunidades de crescer de vida ou ganhar uma estabilidade diante do momento que o Brasil tem vivenciado. Talvez isso explique, além do excelente salário, o número de inscritos para o concurso público do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). Foi divulgado nessa sexta-feira, dia 6 de maio, a quantidade de inscritos que disputarão as 950 #Vagas imediatas oferecidas pela instituição neste momento em cargos dos níveis médio e superior.

A tabela no site do Cebraspe, antigo Cespe/UnB, informa que participarão da prova do próximo dia 15 de maio 1.087.804 pessoas de todo o país.

Publicidade
Publicidade

Desse total, são 1.043.815 para o cargo de técnico (com 800 vagas iniciais mais cadastro de reserva) e 43.989 concorrentes para analista (com 150 oportunidades e também cadastro de reserva).

Dessa forma, irão disputar para o cargo de técnico de nível médio 13.859,755 candidatos por vaga. Já no nível superior, serão 293,26 candidatos por vaga. O número surpreende e é um recorde para a seleção, que nunca foi tão disputada em toda a história do INSS. Por conta disso, o Cebraspe promete reforçar a segurança e os candidatos devem estar atentos no dia da prova para não ferir as regras estabelecidas pela organizadora do certame.

Os cartões de confirmação, que indicam os locais de prova e também devem ser apresentados no dia, já estão disponíveis no site do Cebraspe.

Provas

O concurso para o INSS selecionará os candidatos por meio de exames objetivos de multiplaescolha.

Publicidade

As provas de analista serão aplicadas no período da manhã, de 8h às 11h30.  Já quem quiser um cargo de técnico fará prova das 14h às 17h30. A orientação é de que os candidatos cheguem com, pelo menos, 30 minutos de antecedência, para acessar o local, ir ao banheiro, se necessário, e achar a sala.

A prova será composta por 120 itens, que o candidato deve analisar e marcar como Certo ou Errado. Caso o candidato erre a questão perderá um ponto. Se acertar, ganha outro. A recomendação dos professores e candidatos mais experientes é não "chutar", uma técnica que pode ser um erro fatal em provas dessa banca.

O teste será composto de 50 perguntas de Conhecimentos Básicos (Ética no Serviço Público, Regime Jurídico Único, Noções de Direito Constitucional, Noções de Direito Administrativo, Língua Portuguesa, Raciocínio Lógico e Noções de Informática), além de mais 70 de Conhecimentos Específicos.

Vagas além do edital

Quem for fazer o concurso do INSS e mesmo que não fique dentro das vagas previstas no #Edital deve fazer uma excelente pontuação, pois o instituto tem a previsão de chegar muito mais técnicos e analistas do que a seleção prevê. Recentemente, o INSS pediu ao Ministério do Planejamento até mesmo um novo concurso para 7.351 vagas. Atualmente, o pedido está na Coordenação-Geral de Carreiras, Concursos e Desenvolvimento de Pessoas II. #Empregos