Quem está procurando estabilidade no emprego e fugir dos efeitos da crise econômica que tem assolado o país, uma das dicas preciosas é estudar para concurso que oferecem contratação pelo regime estatutário, que dificuldade os casos de demissão dos servidores, garantindo permanência a longo prazo e planejamento. Uma das seleções mais esperadas do ano, o concurso para a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) já lançou edital e oferece #Vagas imediatas para os níveis médio e superior.

Ensino médio pede experiência

Os servidores contratados para nível médio trabalharão como assistente técnico e receberão remuneração de R$ 3.418,81, valor que inclui o auxílio-alimentação de R$ 458.

Publicidade
Publicidade

O #Edital oferece 21 oportunidades para essa carreira. Para poder ser contratado é preciso ter um ano de experiência na carreira, conforme consta no documento regulamentador do concurso.

As vagas para médio estão dividias em 14 para o Rio de Janeiro e o restante para os estados do Amazonas, Bahia, Brasília, Minas, Paraná e Pernambuco. As oportunidades que surgirem no decorrer da validade do concurso (um ano, podendo ser prorrogado pelo mesmo período) poderão ocupar cargos em quaisquer unidades da Fiocruz no Brasil.

Sobre a experiência de um ano para poder exercer a função, o responsável pelos Recursos Humanos da autarquia federal, Juliano Lima, deu entrevista para o jornal de concursos Folha Dirigida e disse como será feita a seleção.

Juliano falou que é preciso comprovar ter exercido atividade administrativa, como nas área de manutenção de sistemas de informação, suporte administrativo, dentre outras.

Publicidade

A comprovção pode ser por meio de carteira de trabalho e declaração das atividades que foram exercidas pelo ex-funcionário.

Especialista: R$ 16.867 de remuneração

Já quem tiver ensino superior completo com doutorado em uma das áreas de conhecimento específicas que consta no edital pode concorrer para uma das 10 vagas oferecidas no concurso da Fiocruz. Para disputar, também é preciso ter experiência de, pelo menos, seis anos na área de formação após ter adquirido o título de doutor.

Os candidatos receberão remuneração inicial de R$ 16.867, que também inclui o ticket-refeição. As chances estão dividas entre as cidades de Curitiba, Recife, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Salvador e Fortaleza.

Inscrições e provas

Para participar do certame, basta acessar entre os dias 4 de julho e 8 de agosto o site da Fiotec, que organiza o concurso público. É necessário preencher a ficha de inscrição e pagar o boleto e R$ 70 para médio e R$ 250 para superior em qualquer banco, lotérica ou correios.

Os exames discursivos serão aplicados no dia 25 de setembro para graduados. Os candidatos de nível médio farão prova no mesmo dia, mas o exame será objetivo. #Empregos