Já foi lançado o #Edital que irá preencher 30 novas #Vagas de uma das carreiras mais desejadas do país, a de diplomada. O concurso já estava previsto, após o Ministério das Relações Exteriores (MRE) divulgar na última sexta-feira, dia 3 de junho, que hoje seria publicado em Diário Oficial o edital de convocação para a seleção. Os candidatos às vagas só precisam ter ensino superior completo em qualquer área de formação. A remuneração inicial dos diplomatas é de R$ 15.463,26. O valor inclui o auxílio aimentação de R$ 458.

Inscrições

Para participar do concurso basta acessar entre o dia 8 de junho, quarta-feira, e 20 de junho o site do Cebraspe (antigo Cespe/UnB), organizador do certame.

Publicidade
Publicidade

Após preencher a ficha de inscrição, é necessário pagar a taxa, que custa R$ 225, em qualquer banco, agência dos correio ou lotéricas.

Quem não tiver condição de arcar com o valor poderá informar o número do CadÚnico (programa do Governo Federal voltado para pessoas hipossuficientes), que não será necessário pagar a taxa. Os candidatos indeferidos ainda poderão participar do concurso, pois a lista será divulgada em data anterior ao encerramento das inscrições.

Fases

Os inscritos serão avaliados em seis etapas de seleção. Será possível fazer as provas em todas as capitais do país.

Na primeira, que ocorrerá no dia 24 de julho, haverá uma prova de Língua Portuguesa, História do Brasil, História Mundial, Geografia, Política Internacional, Língua Inglesa, Noções de Economia e Noções de Direito e Direito Internacional Público.

Publicidade

No dia 17 de setembro ocorre a segunda fase, com exames discursivos de Português (redação mais questões).

Já no dia 18 de setembro haverá uma prova discursiva de História do Brasil e Inglês. No dia 24 de setembro, de Economia, Política Internacional e Geografia. No dia seguinte, de Direito, Direito Internacional Público, Espanhol e Língua Francesa.

Após a seleção, os aprovados terão que passar por um curso de formação no Instituto Rio Branco, na capital federal. Os diplomatas são contratados pelo regime estatutário, que garante estabilidade empregatícia. #Empregos