A crise econômica sem precedentes e o período político conturbado pelo qual atravessa o país fazem com que um incontável número de jovens se sinta realmente muito preocupado em poder ingressar no mercado de trabalho com êxito e, assim, não virar estatística nas fileiras dos desempregados, que só fazem aumentar.

A situação acima descrita poderá ser atenuada para algumas pessoas que reúnam pré-requisitos que dizem respeito ao preenchimento de vagas oferecidas pelo CAP - “Corpo Auxiliar de Praças”, pertencente à instituição militar da MB - #marinha do Brasil”.

Na realidade serão recrutados e selecionados 90 indivíduos de nacionalidade comprovadamente brasileira, tanto homens quanto mulheres, para o concurso público do CAP, desde que essas pessoas já tenham terminado o nível técnico de escolaridade.

Publicidade
Publicidade

Vale frisar que, para tanto, alguns detalhes técnicos são importantes, a fim de que os candidatos em potencial possam de fato participar do processo eliminatório em questão, a saber: as pessoas interessadas devem possuir idade mínima de 18 anos até no máximo 25 anos completos por ocasião da posse na função, caso venha a ser aprovado.

Todos os cidadãos interessados em concorrer a uma das 90 vagas, devem, obrigatoriamente, comparecer pessoalmente a uma das Organizações Militares da Marinha para fazer a inscrição, ou se cadastrar através do portal “Ensino da Marinha”. A taxa administrativa referente à inscrição é no valor de R$ 60.

A Diretoria do Ensino da Marinha visa recrutar e selecionar, voluntariamente, pessoas qualificadas para trabalhar na Marinha do Brasil em práticas exigidas para as atividades navais e correlatas da instituição militar em questão.

Publicidade

Os cargos e áreas que foram disponibilizados pela Marinha do Brasil aos candidatos são os seguintes: Química, Contabilidade, Cartografia, Marcenaria, Desenho de Arquitetura, Eletrônica, Estatística, Enfermagem, Gráfica, Estruturas Navais, Motores, Geodésia, Metalurgia, Meteorologia e Processamento de Dados.

O processo seletivo como um todo será dividido em algumas etapas, que são: avaliações com conteúdo de conhecimentos específicos; provas de redação; testes médicos, físicos e de inspeção de saúde, com o propósito de verificar o estado vital dos indivíduos.

Todos aqueles que forem aprovados no processo seletivo terão um curso obrigatório de formação, o qual durará o período de 14 semanas, ou pouco mais de 4 meses, a ser ministrado no CIAA (Centro de Instrução Almirante Alexandrino), localizado na Cidade do Rio de Janeiro.

Após o término dos estudos, todos os alunos serão nomeados cabos e passarão a receber o salário mensal de R$ 3.100,00. #Teste #Seleção