Os resultados do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2013 foram divulgados, ontem (22), pelo Ministério da #Educação (MEC). Dessa vez, o resultado é por escola e o índice socioeconômico foi divulgado.

No ano passado, o Enem teve mais de sete milhões de inscritos. Desse número, setecentos e oitenta e quatro mil, oitocentos e trinta candidatos fizeram a prova para obter certificado do ensino médio.

Confira 8 escolas com as melhores médias de desempenho na prova de redação

O 1º lugar do ranking ficou com a escola particular Coleguium, da capital mineira. Todos os alunos da escola, vinte, participaram do exame.

Publicidade
Publicidade

A nota média foi de 869 e o nível sócio econômico dos alunos é muito alta.

Em segundo lugar, vem o Colégio de São Bento, da cidade maravilhosa. Oitenta e oito dos oitenta e nove alunos fizeram a prova. A média da escola é de 862,27.

Em terceiro lugar está o CEMP Ensino Médio Ltda, também do Rio de Janeiro (capital), com média de 846,15. A escola é particular e o nível socioeconômico da mesma é muito alta. O CEMP tem treze alunos e todos fizeram a prova.

Na quarta posição está o CEV Colégio Unidade Jockey, de Teresina, Piauí. A média da escola é de 828,48. Com trinta e seis alunos, apenas três não fizeram o exame. O nível socioeconômico foi classificado como alto.

Em quinto lugar está o Coleguium - Ensino Fundamental e Médio, de Belo Horizonte. Com média de 820, 57, o nível socioeconômico é muito alto.

Publicidade

Todos os alunos, trinta e cinco, participaram do Enem naquele ano.

Ocupando a sexta posição: Colégio Lerote Ltda, de Teresina. Com essa escola, Teresina está mais uma vez na lista. A nota média foi de 820. Com vinte e três alunos, três não fizeram as provas. Nível socioeconômico é muito alto.

Em sétimo lugar está o Colégio Cruzeiro-Centro, da capital carioca, com média de 818,7. Todos os seus noventa e dois alunos participaram do Enem. Nível socioeconômico alto.

Na oitava posição vem o Colégio e Curso Ponto de Ensino, também da cidade do Rio de Janeiro. Quarenta e cinco alunos fizeram as provas, apenas um não participou. Nível socioeconômico muito alto.