Querida e amada por paulistas, paulistanos, turistas nacionais e gringos, a Avenida Paulista é o coração de Sampa. Ponto de encontro de raças, culturas, gostos e nacionalidades, lá se encontra um pouco de tudo: é impossível não se apaixonar.

Localizada no limite entre as zonas Centro-Sul, Central e Oeste, não é apenas um dos principais centros financeiros da cidade, mas também um dos pontos turísticos mais característicos. A avenida proporciona cultura, #Entretenimento, grandes bancos e hospitais, hotéis, consulados e polos educacionais. Milhares de pessoas oriundas de todos os cantos circulam diariamente pela Paulista.

Publicidade
Publicidade

Afinal, o que é que a Paulista tem?

  • Parque Trianon: Inaugurado 1892, o parque decora a selva de concreto com 48,6 mil m² de vegetação tropical, remanescente da Mata Atlântica. Das 6h às 18h, todos os dias, o parque oferece playgrounds, aparelhos de ginástica e a Trilha do Fauno, onde você avista duas esculturas: Fauno de Victor Brecheret e Aretusa, de Francisco Leopoldo Silva.
  • Parque Osvaldo Cruz: Com funcionamento diário das 7h às 18h, o parque preserva uma das áreas verdes da Avenida Paulista. A infraestrutura conta com bicicletário, sanitários, pérgula, Centro de Informações sobre a cidade e acesso à internet.
  • MASP: O Musel de Arte de São Paulo Assis Chateaubriand é uma das instituições culturais mais importantes do Brasil e existe desde 1968. Possui a mais importante coleção de arte europeia da América Latina, além de uma das maiores bibliotecas especializadas em arte de todo o país. Para quem preferir, o vão do MASP é um bom lugar para passar o tempo também.
  • Casa das Rosas: uma mansão no clássico estilo francês, com trinta cômodos, edícula, jardins, quadras e pomar que, desde quando foi reinaugurada em 2004, tem oferecido à população cursos, oficinas de criação e crítica literárias, palestras, ciclos de debates, lançamentos de livros, apresentações, saraus, peças, exposições, além do Espaço Haroldo de Campos de Poesia e Literatura.

Além de tudo isso, encontramos shoppings centers, várias lojas, feirinhas para garimpar até não querer mais, restaurantes e cafés maravilhosos. Você também pode dar uma passada na Rua Augusta ou um pulo até a singela, porém maravilhosa, Passagem Literária, um túnel que liga à Consolação.

Paulista, here we go