As criações desenvolvidas por Eloar Guazzelli têm como marca manter uma proximidade de #Livros e autores. Ao longo dos anos, ele vem focalizando escritores consagrados. Assim, vultos como o americano William Faulkner, o português Eça de Queiroz e a brasileira contemporânea Lygia Fagundes Telles já figuraram nos trabalhos de Guazzelli.

Mas é com o poeta Fernando Pessoa, um dos exponenciais das letras de Portugal, que o ilustrador gaúcho mantém forte relação com vínculo de intensa inspiração e produtividade. Em 2012, Guazzelli lançou o álbum 'Fernando Pessoa e outros Pessoas' (edição da Saraiva). Nesse trabalho, ocorre a apresentação da obra do poeta luso, especialmente direcionada aos leitores mas jovens, com uma forma interessante e bastante inventiva.

Publicidade
Publicidade

Para 2015, o ilustrador trabalha com grande intensidade e vai lançar novo álbum sobre o poeta português, cujo título já é conhecido: 'Eu, Fernando Pessoa'. O lançamento irá acontecer durante a realização do Salão da Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil (FNLIJ). A data prevista é 13 de junho, justamente o dia do nascimento de Fernando Pessoa.

Guazzelli é um artista inquieto, que desenvolve pesquisas e afirma ter conseguido obter visão aprofundada dos heterônimos que Pessoa criou ao longo de suas obras. São dezenas deles. Entre aqueles que podem ser apontados como os mais conhecidos, estão: Alberto Caeiro, Ricardo Reis e Álvaro de Campos, assim como o auxiliar de guarda-livros, Bernardo Soares, presente no 'Livro do desassossego'. #Literatura

Guazzelli se mostra fascinado com a possibilidade sempre intensa e crescente de estar junto dessa personalidade multifacetada. Essa diversidade fascinante forneceu a motivação para o ilustrador realizar seus desenhos em estilos diversos. Atualmente, ele se dedica a um curta de animação sobre Fernando Pessoa. A realização serve de base para uma HQ feita especialmente para o Prosa, onde os elementos que integram o universo de Fernando Pessoa ganham nova vida e surgem dentro de uma atmosfera completamente onírica.