O novo #Filme do grupo de super-heróis, "Vingadores: Era de Ultron", chegou antes aos cinemas brasileiros, dando possibilidade para todos os fãs brasileiros finalmente matarem a sua curiosidade. O filme continua a saga dos heróis, contando com um novo vilão e novos rostos amigos. Antes de você continuar lendo, é avisado que o texto poderá conter alguns spoilers

Vingadores 2 começa no mesmo tom que os fãs puderam acompanhar na primeira aventura do grupo de heróis, de forma eletrizante, mostrando as novas técnicas e até novos utensílios dos protagonistas. Mesmo parecendo mais uma daquelas cenas de abertura dos filmes, os passos iniciais entregam todo o enredo da história.

Logo de cara são apresentados os gêmeos Maximoff, Wanda e Pietro (Elizabeth Olsen e Aaron Johnson), e a busca dos Vingadores na sua primeira missão: o Cedro de Loki. Dentro da arma do irmão de Thor está um item poderoso, conhecido com uma das Joias do Infinito, que vai dar vida ao vilão Ultron após um erro de cálculos e ansiedade de Tony Stark (Robert Downey Jr.), o Homem de Ferro.

Mesmo que o início da produção seja eletrizante, o resto do filme não lembra nada a primeira aventura  dos super-heróis. Menos cômico e mais tenso, o longa mostra bem ser uma transição na história, revelando os possíveis futuros trágicos de alguns personagens, e os novos membros do grupo, seguindo assim a fase 3 do Universo Marvel.

As cenas de ação do longa são um show à parte, mostrando todo poderio financeiro e criativo da Marvel. Novamente, os cenários são impressionantes, principalmente aqueles que se referem aos presságios. Junto com o trabalho de luz, a fotografia de algumas cenas se torna sombria, algo que não foi visto no primeiro filme dos Vingadores.

Outro ponto forte do filme são as brigas entre os próprios heróis, um aquecimento para "Capitão América: Guerra Civil", onde os próprios Vingadores vão entrar em conflito entre si. Algo que também não pode deixar de ser citado é o vilão Ultron, com uma personalidade marcante, o personagem é outro ponto individual que se destaca.

Apesar de ser uma história de transição, "Vingadores: Era de Ultron" é um ótimo filme, que vale a pena por todo o contexto, começando pelos personagens que sempre são especiais para o público. Mesmo sendo bom, ainda não é o filme da Marvel que pode ser o mais visto da história e nem o melhor produzido pela empresa. O que é extremamente ótimo, pois pelo menos, mais dois filmes dos Vingadores estão confirmados.

#Cinema #Opinião