No mês de julho de 2011, o mundo das artes perdeu uma de suas grandes estrelas musicais. A cantora Amy Winehouse partiu deste mundo para ficar eternizada na memória de fãs e admiradores do seu trabalho. Dona de um gênio forte, muitas vezes incompreensível, Amy cantou seus amores, amigos, família, tristezas, derrotas e sua luta para vencer a dependência química.

Famosa pela canção que a eternizou, "Rehab", ela foi taxada como uma pessoa problemática e que deu bastante dor de cabeça para os organizadores de suas turnês e discos.

Pensando em ampliar e divulgar a história de Amy Winehouse e trazer à público um relato emocionante da vida da cantora, o diretor Asif Kapadia, junto ao produtor James Gay-Rees, se uniram para editar o filme "Amy".

Publicidade
Publicidade

Ambos são da mesma equipe que produziu o documentário "Senna", que aborda a vida do piloto brasileiro de Fórmula 1, morto em 1994. A proposta para a edição, feita a partir de imagens de arquivo, é que Amy conte sua história a partir de suas palavras. São centenas de imagens resgatadas do acervo pessoal da artista.

Em um momento, visto no trailer divulgado pela página de Amy, temos a diva do soul declarando: "Cantar sempre foi importante para mim, mas eu nunca achei que fosse acabar cantando ou que seria cantora. Eu só pensava: sou muito sortuda de ter isso que eu sempre posso fazer, caso eu queira." A promessa é de que o documentário seja lançado no dia 3 de julho deste ano, na Inglaterra, país de origem da cantora. O pôster foi publicado em março, na página da artista no Facebook.

Já os fãs brasileiros, terão que aguardar mais, pois, não há previsão do dia em que o filme será lançado por aqui.

Publicidade

Morte Prematura

Com estilo introspectivo, Amy Winehouse conquistou o mundo com sua sensibilidade, exposta nos álbuns: "Frank" e "Back to Black". Em 2011, aos 27 anos, Amy foi encontrada morta em sua casa, em Camden, Londres. A causa da morte foi um consumo abusivo de álcool. Na capital inglesa, foram feitas inúmeras homenagens. Uma delas, é a estátua no bairro residencial de Amy, onde turistas vão para fotografá-la. #Cinema #Música