A Universidade Federal de Goiás lançou um novo edital para selecionar interessados em realizar o #Curso de especialização gratuito denominado "Criminologia e Segurança Pública". As aulas começarão no mês de agosto de 2015 com encerramento previsto para julho de 2017, totalizando 360 horas de estudo.

O curso gratuito é presencial. As aulas serão ministradas nas sextas-feiras à noite e em toda quarta-feira de manhã e a noite. Todo o valor do curso de R$ 6.750 será pago pela Secretaria Nacional de Segurança Pública do Ministério da Justiça. Caso o aprovado comece o curso e desista, abandone sem justificativa ou reprove deverá repor esse valor para a SENASP/MJ.

Publicidade
Publicidade

Vagas e inscrição para a especialização gratuita

Das 50 #Vagas oferecidas 40 são para quem trabalha na segurança pública como bombeiros militares, policiais civis, policiais militares, peritos e guardas municipais. Outras 5 oportunidades são voltadas para os trabalhadores da Universidade Federal de Goiás e, por fim, as últimas 5 vagas são para profissionais de áreas correlatas.

Os interessados em concorrer a uma das vagas disponíveis deverão se dirigir à Faculdade de Direito/UFG, mais precisamente na Sala do Núcleo de Estudos e Pesquisas em Criminologia e Segurança Pública localizada na Praça Universitária. O atendimento será feito em dias úteis das 9 até as 11 horas. O último dia de atendimento é em 22 de maio de 2015.

É necessário ter completado um curso de graduação reconhecido pelo MEC e levar diversos documentos como: cópia do diploma, RG, CPF, certidão de casamento, entre outros.

Publicidade

A lista completa pode ser visualizada no edital. A especialização gratuita é reconhecida pelo MEC.

Seleção

A seleção será feita na Faculdade de Direito da Universidade Federal de Goiás e será dividida em duas etapas. Na primeira os candidatos farão uma avaliação escrita com nota máxima de 10 pontos. Os que tiverem menos de 7 pontos serão eliminados.

A segunda etapa é de uma prova oral que avaliará o conhecimento do candidato e sua capacidade argumentativa. Também vale 10 pontos e é necessário atingir no mínimo 7 pontos. Caso o candidato não compareça a uma das etapas será considerado desistente. Maiores informações podem ser obtidas no edital. #Educação