Ainda sem data para lançamento no Brasil, o novo filme interpretado por Ian McKellen, o eterno Gandalf de O Senhor dos Anéis e o vilão Magneto de X-Men, chega aos cinemas dos Estados Unidos nesta sexta (17).


Em sessão exclusiva para a imprensa estadunidense na quinta (16), o filme já virou um sucesso de crítica e o evento serviu para aumentar ainda mais a expectativa dos brasileiros fãs do detetive e do ator de 76 anos.

O enredo de Mr. Holmes

A trama se passa em 1947, quando Sherlock Holmes estaria com 93 anos. Já havia se aposentado de sua vida de aventuras e agora vivia tranquilamente em uma casa afastada no pequeno vilarejo de Sussex, acompanhado apenas de sua governanta, Mrs. Munro (Laura Linney) e do filho dela e detetive prodígio Roger (interpretado por Milo Parker).


Sherlock Holmes começa a ser atormentado por um crime que não conseguiu resolver quando estava em seu auge, sendo este que motivou sua aposentadoria. Traído por sua memória, consegue lembrar-se apenas de fragmentos da história, como um confronto que teve com um marido nervoso e uma ligação que recebeu da esposa com tendências suicidas.


Sem a ajuda de seu fiel escudeiro Watson, o detetive mais famoso do mundo busca solucionar o que seria o seu mais importante caso, travando uma luta não com inimigos externos, mas sim, consigo mesmo.


Adaptado do livro "A Slight Trick of the Mind", do autor Mitch Cullin, o enredo não apresenta grandes casos de assassinato ou espetaculares conspirações, focando-se muito mais em pequenos enigmas da mente e na melancolia e remorso do detetive ao fim da vida.


Dirigido por Bill Condon, premiado com o Oscar pelo roteiro de Deuses e Monstros, filme no qual também fez parceria com Ian McKellen, o longa promete mostrar um Sherlock Holmes como ninguém imaginou, nem mesmo Conan Doyle.

A interpretação de Ian McKellen em Mr. Holmes

"Ele é o melhor", apontou a crítica do Usa Today. "Interpretação magnífica", de acordo com Tulsa World. "Maravilhoso, o que não é surpreendente", disse o New York Times.


Em entrevista ao Entertainment Weekly, o ator revelou que nunca havia pensado em interpretar o detetive e só aceitou o personagem por ter sido um pedido de seu amigo de longa data, Bill Condon.


Ian McKellen ainda afirmou na mesma entrevista que considera o detetive como "um papai Noel", pois garantiu que se perguntar às pessoas sobre de onde conheceram Sherlock Holmes, elas afirmariam não saber, já que parece que ele "sempre esteve lá".


Contudo, Mr. Holmes promete ser mais um grande sucesso da carreira do ator multifacetado, que já interpretou outros grandes personagens do #Cinema, como Gandalf e Magneto, e parece que aos 76 anos, interpretando um Sherlock Holmes aos 93, Ian McKellen continua enfileirando sucessos e agradando a crítica especializada ao dar vida a personagens icônicos.
#Entretenimento #Mídia