Se você está considerando uma mudança para o exterior em busca de melhor qualidade de vida, conheça Melbourne, a segunda maior cidade da Austrália. Pelo quinto ano consecutivo, Melbourne foi considerada a cidade mais habitável do mundo. E por que não? A metrópole no sudeste do país tem habitação a preços acessíveis, ruas recheadas de bares e restaurantes e um calendário repleto de eventos culturais.

Situada às margens do rio Yarra, no estado de Victoria, Melbourne é fica a 878 km ao sul de sua "rival" mais conhecida, Sydney, ou apenas uma hora de #Viagem de avião (que é uma das mais movimentadas rotas aéreas do mundo impulsionado pelo negócio entre as duas capitais estaduais).

Publicidade
Publicidade

Ao contrário de Sidney, Melbourne tem um sistema de estradas de fácil navegação, excelentes sistemas de transportes públicos e quatro locais desportivos de classe mundial dentro do coração da cidade.

Lar de quatro milhões de pessoas, a cidade é um verdadeiro caldeirão de culturas - Melbourne há muito tempo tem a maior população de gregos fora de Atenas e um estudo recente mostrou que quase metade de seus moradores são nascidos no exterior. Apesar da retórica do governo federal australiano para endurecer o controle de fronteira como medida de repressão contra a imigração ilegal, a cidade continua um lugar seguro e acolhedor, enquanto celebra a diversidade.

Essa diversidade se traduz em uma próspera cena de alimentos frescos no mercado, uma cultura de comida de rua, cafés finos e alguns dizem que tem a melhor pizza na Austrália.

Publicidade

"É realmente a cidade mais habitável do mundo", disse Sarah Eke, um gerente de publicidade que deixou Essex, na Inglaterra, para viver em Melbourne. "Eu gosto da diversidade cultural da cidade e quão diferente os subúrbios são, por isso, você vai de um lado da cidade para outro e pode sentir como se estivesse em um lugar completamente diferente".

Mas você não recebe o toque europeu desta cidade sem um pouco do clima europeu também. O clima de Melbourne inspirou a canção da banda Crowded House,  "Four Seasons In One Day" (Quatro Estações em Um Dia), porque o tempo está entre os mais imprevisíveis no país. Você vai precisar levar um casaco para a maioria do ano - e, embora existam praias, elas são apenas para os corajosos até meados do verão.

Conseguindo um emprego

O estado de Victoria tem uma taxa de desemprego de 6,2%, de acordo com a mais recente pesquisa - um pouco acima da média nacional de 6,1%. Empregos de colarinho branco compõem a maior parte das ocupações de Melbourne. Gestores, trabalhadores de vendas e pessoal de escritório compõem mais 38% da força de trabalho.

Publicidade

Patrocínio para os trabalhadores estrangeiros é relativamente simples, com uma extensa lista de profissões elegíveis encontrados no Departamento de Imigração. Algumas das áreas em demanda incluem especialistas em marketing, analistas de negócios, escrivães, professores, especialistas em recursos humanos, médicos, enfermeiros e engenheiros.

A maioria das posições não requerem testes de mercado de trabalho, mas determinadas profissões podem ser sujeitos a um teste de habilidades. Os requerentes de visto terão de provar habilidades profissionais relevantes, conhecimento da língua inglesa e atender aos critérios de saúde e de caráter. 

Para maiores informações sobre vistos, visite a página da Embaixada da Austrália no Brasil. #Turismo #Blasting News Brasil