Samuel L. Jackson, ator que viveu o Mestre Jedi Mace Windu em ‘Star Wars Episódio I: A Ameaça Fantasma’, ‘Star Wars Episódio II: Ataque dos Clones’ e ‘Star Wars: A Vingança dos Sith, dividiu publicamente sua opinião sobre o novo longa-metragem deste incrível universo, comandado pela Disney, 'Star Wars' Episódio VII: O Despertar da Força’. Ainda que o #Filme, em apenas 20 dias, já esteja em quarto lugar da lista de filmes mais vistos de todos os tempos, a produção não é a preferida de Jackson. Na visão do ator, o diretor J. J. Abrams não comandou tão bem as batalhas que envolviam sabres de luz no filme.

No programa de Peter Travers, Popcorn, Samuel L.

Publicidade
Publicidade

Jackson concedeu entrevista para falar de ‘Os 8 Odiados’, seu recém-lançado filme com Tarantino, e inevitavelmente foi interrogado sobre seu julgamento quanto a Star wars. De maneira elegante e diplomática ele respondeu: "Foi feito com base no espírito dos outros Star Wars. É uma grande aventura e empolgante, de certa maneira".

Contudo o ex-Jedi deixou claro que as cenas de lutas com sabres de luz deixaram muito a desejar e não o impressionaram. Ele chegou a dizer que os atores deveriam frequentar uma escola que ensinasse luta com sabres e que ainda havia tempo para melhorarem.

Claro que a trilogia original de 1977, dirigida por George Lucas, possui uma qualidade de batalhas muito superior, mas vale ressaltar que os atuais protagonistas Rey e Finn não tiverem treinamento com sabres de luz.

Publicidade

Principalmente Rey – já que Finn ao menos teve um treinamento militar – que deixa claro em cena que suas batalhas são movidas por puro instinto e emoção. Kylo Ren, o vilão, embora tenha sido treinado para lutar com sabres de luz, sua confusa bagagem emocional também o impedia de dar um show durante as lutas.

Mace Windu, vivido por Jackson, foi o único Jedi na história de Star Wars a ter um sabre de luz de cor roxa e na lateral da base de seu sabre havia talhada a famosa frase “bad mother fucker” em referência ao filme ‘Pulp Fiction’, de Tarantino. #Entretenimento #Cinema