O prêmio Framboesa de Ouro já ganhou fama por esbanjar muita descontração e deboche ao "homenagear" seus indicados. Na noite de sábado, às vésperas da premiação do Oscar, o evento apontou "50 Tons de Cinza" e 'Quarteto Fantástico' como os piores filmes produzidos no último ano. Esta foi a 36ª edição do festival, cujo principal intuito é criticar grandes produções que não alcançaram o objetivo esperado, seja ele de público, crítica ou bilheteria.

Pior para "50 Tons de Cinza", filme adaptado do best-seller da escritora E.L James. Indicado a 6 categorias e vencedor em 5, inclusive de pior filme, ao lado de "Quarteto Fantástico".

Publicidade
Publicidade

O Longa erótico também "ganhou" com o pior ator (Jamie Dornan), pior atriz (Dakota Johnson), pior dupla (Dornan e Johnson) e pior roteiro (Kelly Marcel). Já o filme sobre super-heróis venceu como pior remake, pior diretor (Josh Trank), além de dividir o prêmio de pior filme com "50 Tons de Cinza".

Curiosamente, Eddie Redmayne, que concorre ao Oscar de melhor ator por "A Garota Dinamarquesa", levou como pior ator coadjuvante por "O Destino de Júpiter". Entre as mulheres, Kaley Cuoco faturou a Framboesa por "Padrinhos Ltda.", e "Alvin e os Esquilos - Na Estrada".

Nas demais categorias, sobrou para até para o veterano Sylvester Stallone, de 69 anos. Indicado para o Oscar de Melhor Ator Coadjuvante pela sua atuação destacada em "Creed - Nascido para Lutar", o eterno "Rocky Balboa" foi o ganhador do Framboesa na categoria Redentor.

Publicidade

Vale ressaltar que mais uma vez nenhum dos vencedores apareceu para receber o prêmio, ou seja, com muita criatividade, a produção do evento utilizou de ironia para simular a entrega dos troféus.

Outro destaque da noite ficou por conta das interpretações de sósias de Barack Obama, atual presidente dos Estados Unidos, e de Donald Trump, que lidera as primárias do partido republicado para as eleições deste ano. Os atores que os interpretaram abusaram de trejeitos, e o falso Trump não poupou a língua para ofender as minorias, principalmente ao falar mal de imigrantes. Eles subiram ao palco para a entrega de prêmios.

O Framboesa de Ouro foi elaborado pelo publicitário John Wilson, em 1981, apenas como forma de manisfestar o descontentamento com as produções hollywoodianas. Cada estatueta não custa sequer US$ 5 e, não raro, nomes #Famosos são indicados e eleitos os piores em suas respectivas categorias, quando erram na escolha de um papel. A premiação deste ano teve a participação de 943 eleitores, que colaboraram com suas indicações dentro e fora dos Estados Unidos. #Entretenimento #Cinema