Muitos riffs entraram para a história do Rock, mas o solo de "Sultans Of Swing", do Dire Straits, conseguiu transpor gerações e garantir seu lugar no olimpo do Rock and Roll.

A canção lançada no fim da década de 1970 ainda é motivo de culto hoje. E com os recursos da tecnologia disponíveis atualmente, é possível fazer mágica.

O mestre por traz dessa obra é o gênio criativo da banda, o guitarrista e vocalista Mark Knopfler. Este foi o primeiro, e para muitos, o ponto máximo de inspiração da banda, que lançou a #Música em 1978 e até meados da década de 1990 emplacou diversos hits, como "Your Latest Trick ",  "So Far Away",  "Walk of Life", "Brothers in Arms" e "Money for Nothing".

Publicidade
Publicidade

Mas "Sultans Of Swing" tem um espaço especial no coração dos fãs, seja aquele que viveu o auge da banda ou que conheceu o seu legado. Programas como Baú da Mix e Arquivo 89, muito populares na década de 2000, mantiveram esta chama viva e conquistaram novos admiradores para a banda britânica. Também mostraram o que um homem é capaz de fazer com uma guitarra, e sem usar palheta.

"A primeira vez que ouvi Dire Straits foi na casa de uma amigo, eu devia ter em torno de 13 anos, acho que em 1995. Estávamos de bobeira, ouvindo Nirvana. O pai dele chegou em casa, se sentou com a gente e disse que ia mostrar algo que mudaria a nossa imagem do que é tocar guitarra. Até hoje, guardo essas palavras", recorda o paulistano Luciano Ferreira.

Apesar de ter pouco mais de quinze anos de carreira, o Dire Straits se tornou um ícone de sua época.

Publicidade

A banda tocou nos maiores festivais do mundo e ao lado de personalidades como Eric Clapton, o 'Deus da guitarra'.

No total, a banda lançou seis álbuns de estúdio entre 1978 até o seu fim em 1995. Mas seu grande trunfo sempre foram as apresentações ao vivo. O estilo das composições clama a improvisação e a qualidade dos seus componentes era a garantia de que todo show fosse único, tornando cada noite especial. Com o fim do grupo, Mark Knopfler passou a se dedicar à composição de trilhas sonoras para o cinema. Porém, até hoje o clip de "Money For Nothing" ainda é o recordista de exibições na MTV americana, mais um exemplo da força e qualidade do grupo. #Entretenimento #Curiosidades