Os fãs brasileiros que verão o Iron Maiden pela primeira vez, a partir do dia 17 deste mês, certamente aguardam para ouvirem, ao vivo, alguns dos maiores clássicos da banda britânica. Bom, algumas das músicas mais emblemáticas do grupo, como “Aces High” que tradicionalmente abre as apresentações, não estarão no setlist da “The Book Of Souls Tour”, mas, se isso serve de console, faixas que não eram executadas desde 2009, ano da penúltima passagem do conjunto pelo país, voltam para o repertório, caso de “Children of the Damned” e “Powerslave”.

Das 15 músicas que compõem o novo setlist, oito estavam no repertório da turnê “Somewhere Back in Time”, de sete anos atrás, e cinco no da turnê “The Final Frontier”, de 2011.

Publicidade
Publicidade

O mais recente disco da banda, “The Book Of Souls”, domina o show com seis faixas. De “The Number of the Beast” vêm outras três, enquanto os álbuns “Brave New World”, “Fear Of The Dark”, “Iron Maiden”, “Piece Of Mind”, “Powerslave” e “Somewhere In Time” emprestam uma canção cada para a apresentação.

Começamos esta turnê e vamos ver onde isso vai dar. Temos um par de anos pela frente e, depois de completarmos o ciclo de lançamento deste novo CD, vamos pensar no futuro. Desde que essa volta ao mundo começou, estamos nos divertindo muito e, sinceramente, não acho que está na hora de jogar a toalha”, disse o vocalista Bruce Dickinson, dando um claro recado para quem imagina que esta é a última turnê do Iron Maiden. “Está tão bom, que eu trouxe até minha família comigo”.

Dickinson ainda está se recuperando do câncer que teve na garganta e do qual se encontra clinicamente livre, desde o ano passado.

Publicidade

Com a idade, a voz vai mudando, mas meus médicos disseram que tudo vai voltar ao normal. Ainda tenho tecidos que estão cicatrizando e faço reabilitação vocal, mas, pelo menos nestes primeiros shows da turnê, tudo tem dado certo”, garante o frontman da banda.

Entre os clássicos confirmadíssimos no setlist, destaque para “The Trooper”, “Wasted Years”, que pela primeira vez encerra as apresentações, “Fear of the Dark”, “Hallowed Be Thy Name”, “Iron Maiden” e “The Number of the Beast”. Do novo CD, serão executadas “If Eternity Should Fail”, “Speed of Light”, “Tears of a Clown”, “The Red and the Black”, “Death or Glory” e “The Book of Souls”.

A temática maia domina o show desde o vídeo de abertura, que mostra o “Ed Force One” – o Boeing 747 em que a banda percorre o mundo e que é pilotado por Dickinson – preso em uma floresta tropical, antes de ser “ressuscitado”, até o cenário que remete à civilização que dominou a América Central.

Confira o setlist

“If Eternity Should Fail”

“Speed of Light”

“Children of the Damned”

“Tears of a Clown”

“The Red and the Black”

“The Trooper”

“Powerslave”

“Death or Glory”

“The Book of Souls”

“Hallowed Be Thy Name”

“Fear of the Dark”

“Iron Maiden”

BIS

“The Number of the Beast”

“Blood Brothers”

“Wasted Years” #Música #Arte