Os heróis possuem, além de seus poderes, virtudes honradas, honestidade e bondade. Por outro lado, existem os vilões, que vem para antagonizar tudo isso. Porém, os vilões são bem mais maleáveis do que aparentam, e no universo das HQ’s, seja Marvel ou DC, as considerações a respeito do bem e do mal variam bastante.

Confira a lista dos 7 momentos onde o bem e o mal trabalharam juntos: 

Os Vingadores e Thanos

Thanos precisou se aliar aos Vingadores durante a Guerra Infinita para combater um inimigo em comum. A união ocorreu para derrubar Magus, ninguém menos que a versão obscura de Adam Walock.

O roteirista Jim Starlin tentou fazer de Thanos uma espécie de anti-herói, e até abordou questões que colaborariam para tal.

Publicidade
Publicidade

Mas a mudança jamais foi efetivada.

Thor e Loki

Foram inúmeras as vezes que Thor e Loki foram aliados desde que surgiram nos quadrinhos. Mas é explicável, por exemplo, quando um demônio como Surtur se torna um risco para Asgard, até Loki e sua falta de escrúpulos precisam ceder.

A chegada de Surtur força Loki a encarar que não tem graça jogar seu caos em um mundo finado. Deste modo, ele une forçar com Thor e Odin – que protegem Midgard e Asgard – mas por si mesmo.

Homem-Aranha e Venom

Venom é uma versão assombrosa do Homem-Aranha, sua única intenção era apagar Peter Parker. Foi de um impacto e tanto quando herói e o vilão se juntaram para combater o Carnificina.

O uniforme simbiótico de Venom deu origem ao Carnificina, unindo-se com Cletus Kasady, um seria Killer. Peter se vê obrigado a pedir ajuda de Venom, que, como Eddie Brock, dividiu a cela na prisão com Kasady.

Publicidade

Para piorar, Venom, em uma ilha deserta isolado,está confiando que matou o Homem-Aranha. Então, quando o herói da as caras, Venom fica irado, no entanto, decide ajudar.

Doutro Estranho e Doutor Destino

Eis uma aliança extraordinária! O Destino elege o Doutor Estranho para escolta-lo em uma batalha com Mephisto, um demônio que se apossou da alma de sua mãe. É incrível ver o lado humano de Destino brilhar no arco dramático da narrativa.

Superman e Lex Luhor

Esta é uma dupla mais conhecida, em um arco publicada em 1963 traz Superman e Lex Luthor unidos para proteger um planeta estéril.

A narrativa se inicia com Lex lançando um desafio para o Superman, propondo um confronto em um planeta onde seus poderes não funcionariam. Se Luthor o derrotasse, seria solto da prisão em que estava, e o Superman seria abandonado para morrer.

Os habitantes do planeta proposto enxergam em Lex Luthor um salvador, e este garante achar para o planeta estéril uma fonte de água. Superman vence a luta, porém antes de retornarem, Luthor pede que o herói pegue gelo de outro planeta, para cumprir sua promessa e trazer água para o planeta.

Publicidade

Batman e Coringa

Na série Brave and the Bold #191, Batman se encarrega de ajudar o Coringa a provar que não cometeu um certo crime.

Quando o Pinguim é supostamente assassinado pelo Coringa em transmissão ao vivo pela #Televisão, o Palhaço do Crime batalha por sua inocência e se alia ao morcego de Gotham para provar que o Pinguim forjou a própria morte.

Capitão América e Caveira Vermelha

Capitão América e Caveira Vermelha se odeiam, e isto é inegável. Porém, nas edições 444 e 448 da série solo do Capitão América, o herói soldado está prestes a falecer, quando foi salvo por Caveira – e por isso ninguém esperava.

Mas é lógico que havia uma razão. O Caveira Vermelha quer a ajuda do Capitão para derrubar Adolf Hitler. O espírito do ditador havia sido fisgado pelo Cubo Cósmico. E o Caveira se desespera ao pensar em um Hitler com os poderes vindos do Cubo Cósmico. #Entretenimento #Curiosidades