Mais de cem anos após sua morte, o escritor Machado de Assis, que completaria 177 anos nesta terça-feira, dia 21, continua sendo lembrado como o nome mais importante da #Literatura portuguesa feita no Brasil.

Sua obra mais famosa, o romance Dom Casmurro é apontado como críticos como uma verdadeira revolução literária em termos de estilo e de narrativa. O romance ganhou duas adaptações para o cinema, além de versões teatrais e em quadrinhos. Foi ainda base para novelas de televisão, músicas e outras obras artísticas.

Em 2009, Machado de Assis foi homenageado no desfile da escola Mocidade Independente de Padre Miguel. O escritor também foi um dos principais idealizadores da Academia Brasileira de Letras, importante órgão da intelectualidade nacional que continua ativo até hoje.

Publicidade
Publicidade

Machado de Assis também foi considerado o primeiro crítico do Brasil por José de Alencar, além de ser apontado como o responsável por ter introduzido o realismo na cultura nacional. Para muitos, Machado de Assis também deixou um importante retrato histórico do Rio de Janeiro colonial, bem como contribuiu para a formação de uma identidade nacional forjada pelos personagens e tramas descritos em seus livros. #História #Arte